Papo Seguro: Alimentação escolar em tempos de covid 19

Papo Seguro: Alimentação escolar em tempos de covid 19

Mantendo a parceria de cooperação técnica entre  a Escola de Nutrição da Universidade Federal da Bahia, Programa Excelsior Saúde e o Portal Saúde no ar, apresentamos mais uma edição do Quadro/Coluna: Papo Seguro: diálogos sobre alimentação e nutrição em tempos de pandemia. Uma forma de interação de maneira mais próxima e imediata com a população em geral, buscando fornecer informações seguras e orientações nutricionais em tempos  do Novo Coronavírus.Professores da Escola de Nutrição da UFBA contribuem semanalmente com conteúdos inéditos, apresentando  temas sobre alimentação e nutrição durante a pandemia da Covid-19.

Nesta Oitava edição da série, as professoras: Valterlinda Oliveira e Patrícia Freitas, falam sobre: Alimentação escolar em tempos de covid 19.  Confira!

Texto na íntegra e podcast do tema.

Olá! Eu sou Valterlinda Oliveira, nutricionista e professora da Escola de Nutrição da Ufba.  Hoje nosso Papo Seguro será sobre alimentação escolar. Como vocês sabem, o Papo Seguro é nossa conversa semanal sobre alimentação e nutrição em tempos de pandemia. E hoje vamos falar sobre como deve ser o lanche em casa enquanto as crianças não voltam às aulas.

A pandemia por conta do “coronavírus” levou à suspensão das aulas em todo país, tanto nas escolas públicas quanto nas privadas. Por conta disso, para alunos de escolas públicas alguns governantes têm feito a distribuição de cestas básicas e outros distribuem vale-alimentação para que a própria família faça a compra dos alimentos. E aí vem a pergunta: Como utilizar esse valor da melhor forma possível?

Primeira dica muito importante é evitar comprar alimentos industrializados como os refrigerantes, sorvetes, salgadinhos, batata-frita, biscoitos recheados e sucos de caixinha, pois são lanches ricos em açúcares e gorduras além de serem alimentos sem os nutrientes necessários para as crianças e adolescentes.

Eles adoram novidades na hora do lanche, então temos que ser criativos. Assim, vamos lá para algumas dicas: É importante dar preferência a alimentos in natura, como frutas, tais como maçã, laranja, goiaba, melão, abacaxi, banana da terra cozida que são ótimas opções para lanches, além de serem fontes de energia e vitaminas. As hortaliças como batata-doce e inhame, preparações como sanduiches naturais com recheio de cenoura e frango, salada de frutas, bolo caseiro (cenoura, laranja, tapioca, entre outros) também são opções para lanches. Já pensou em fazer uma tapioca para o lanche da tarde? Você pode preparar com recheio de coco ralado, frango, ou outro da preferência da criançada. Essa tapioca pode virar uma crepioca ao adicionar ovo na massa e ficará um lanche saudável e balanceado.

Uma outra boa sugestão é fazer o preparo de sorvetes ou geladinhos em casa. A mistura das frutas dá um sabor especial ao sorvete. E que tal um sorvete feito com manga, banana e iogurte congelados e depois batidos no liquidificador? Fica cremoso e refrescante. Experimente, todos em casa vão adorar! Outra dica é substituir os salgadinhos comprados em supermercados pela pipoca feita em casa. Use pequena quantidade de óleo e sal em sua pipoca. Outra forma de motivar os filhos é envolvê-los na preparação desses lanches.E, na hora de comprar os alimentos, tente adquirir um pouco de cada tipo, procure as feiras livres do seu bairro, em horários de menor movimento, ou se não for possível, os mercados próximos à sua casa, assim você vai estar ajudando o comércio do seu bairro e também se protegendo ao evitar percorrer longas distancias e na hora de preparar, monte lanches coloridos, com frutas em cortes diferentes para atrair a atenção e motivá-los a experimentar novos sabores.

Lembre-se de se proteger ao sair de casa para as compras, utilize sempre a máscara.

E é isso. Vamos fazer melhores escolhas, inovar nas preparações, dentro das nossas possibilidades, preparar nossos lanches com nossos filhos, usando criatividade. Não deixe de nos acompanhar nesse canal; um abraço e até o próximo Papo Seguro.

 Confira o  Podcast desta semana:

Por: Valterlinda Oliveira e Patrícia Freitas

Nutricionistas e Professoras da Escola de Nutrição da UFBA

Colaboração Nedja Santos, Jerusa Mota, Lílian Lessa, Adriana Melo e Valéria Camilo

Podcast  8: Alimentação escolar em tempos de covid 19.

 

Ouça:

O  Excelsior Saúde é exibido de segunda à sexta-feira, das 9 às 10h, com transmissão pelas Rádios Excelsior AM 840 e Saúde no ar (web). Acompanhe pelo site: https://redeexcelsior.com.br ou pelo aplicativo Rádio Saúde no Ar. Participação pelo telefone 3328-7666 e whats app (71) 9-9681-3998. Acompanhe também os conteúdos no portal: https://www.portalsaudenoar.com.br/.

Confira também:

“Papo Seguro” –PODCAST 1 – Alimentos saudáveis, nutritivos e de baixo custo 

“Papo Seguro” -PODCAST 2 – Valorizando o comércio local

“Papo Seguro” -PODCAST 3 – Aproveitamento integral dos alimentos

“Papo Seguro” –PODCAST 4 – Alimentos e imunidade

“Papo Seguro” –PODCAST 5 – Entrega em domicílio

“Papo Seguro” –PODCAST 6  – Amamentação e Covid-19  

“Papo Seguro” –PODCAST 7  –  Aproveitamento integral dos alimentos – Parte II 

Entrevista 1 – Nutrição em tempos de pandemia

Entrevista 2 – Nutrição e imunidade 

Entrevista 3 – Aproveitamento integral dos alimentos 

Sobre a ENUFBA

A Escola de Nutrição da Universidade Federal da Bahia (ENUFBA) foi criada em 28 de maio de 1956, sendo o primeiro curso de bacharelado em Nutrição da região nordeste do país e o quarto do Brasil. Em 2009, foi criado o bacharelado em Gastronomia. A ENUFBA mantém desde a sua criação a missão de formar profissionais tecnicamente qualificados, capazes de refletir criticamente sobre as necessidades da sociedade brasileira e atuar profissionalmente de modo orientado pela ética e compromisso social da profissão. A ENUFBa tem como destaque o desenvolvimento de atividades interdisciplinares integrando ensino, pesquisa e extensão.Professores da ENUFBa, estarão toda segunda no quadro “Papo seguro”, dialogando sobre alimentação e nutrição diante da Covid-19.

 

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *