USP recruta voluntários para teste com derivado da maconha

USP recruta voluntários para teste com derivado da maconha

Pessoas na faixa de 18 a 50 anos, que não usem medicamentos e não tenham distúrbio de sono estão sendo procuradas pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da Universidade de São Paulo (USP) para serem voluntárias em uma pesquisa com o canabidiol. A substância, que tem sido motivo de polêmica no Brasil por ser proveniente da maconha, teria a capacidade de agir no cérebro e interferir no sono.

A pesquisa, intitulada "Efeitos da administração de canabidiol no ciclo do sono, vigília em pacientes saudáveis", vai examinar as pessoas que serão submetidas a exames enquanto dormem. Em uma das noites no hospital os voluntários tomarão o canabidiol e na outra um placebo, tendo em ambas  o sono mapeado para se descobrir como a substância age no cérebro. O estudo deve ser concluído em 2015. Quem quiser se candidatar ao teste precisa morar em Ribeirão Preto e preencher um  questionário

Fonte: O Estado de São Paulo

O jornalismo independente e imparcial com informações contextualizadas tem um lugar importante na construção de uma sociedade , saudável, próspera e sustentável. Ajude-nos na missão de difundir informações baseadas em evidências. Apoie e compartilhe

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.