Novo estudo: Poluição do ar associada pode aumentar riscos de mortes por Covid-19

Novo estudo: Poluição do ar associada pode aumentar riscos de mortes por Covid-19
Novo estudo relacionada a exposição de longo prazo à poluição do ar; com 15% das mortes por Covid-19 em todo o mundo; A pesquisa está disponível na Cardiovascular Research.

De acordo com os pesquisadores; com a analise de dados de saúde e doenças dos Estados Unidos e da China relacionados à poluição do ar;  Covid-19 e SARS – uma doença respiratória semelhante à nova doença de coronavírus. A analise combinada com dados de satélite de exposição global e partículas microscópicas; bem como redes de monitorização de poluição baseadas em solo; ajudaram a calcular até que ponto a poluição do ar poderia ser responsabilizada pelas mortes por Covid-19.

Dessa forma; no Leste Asiático, que tem alguns dos níveis mais altos de poluição do planeta, 27% das mortes por Covid-19 podem ser atribuídas aos efeitos da má qualidade do ar na saúde. A proporção é de 19% na Europa e 17% na América do Norte.

Além disso; segundo os autores as mortes relacionadas à Covid-19 e à poluição do ar representavam uma “mortalidade excessiva potencialmente evitável”; de acordo com eles; a exposição a partículas no ar provavelmente agravava “condições que levam a resultados fatais”.

Contudo; segundo eles; “Se a exposição de longo prazo à poluição do ar e a infeção com o vírus se unirem, teremos um efeito adverso na saúde, principalmente no que diz respeito ao coração e aos vasos sanguíneos”, disse o co-autor do artigo, Thomas Munzelcitado pelo Aljazeera. De acordo com ele; a poluição do ar tornou mais prováveis os fatores de risco da Covid-19, como problemas pulmonares e cardíacos.

Veja também: Autismo: Precisamos conhecer

Anvisa autoriza importação de 6 milhões de doses da CoronaVac

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *