Brasil: UTI ocupadas

Brasil: UTI ocupadas

De acordo com dados do Ministério da Saúde o Brasil registra atualmente o total de 10.178.174 casos confirmados do novo coronavírus, desde o inicio da pandemia. Ao todo, o número de óbitos no país chegou a marca dos 246.504. Dessa forma, em apenas 24 horas, houve registro de mais 26.986 casos em todo o país.

Com o crescente aumento de casos, em todas as regiões o país entra em um novo momento delicado e preocupante por conta da taxa de contaminação e ocupação dos leitos de UTI exclusivos para pacientes com a covid. Por conta disso, o estado da Bahia, decretou toque de recolher entre as 20h e 05horas da manhã.

Taxa de ocupação

 

Bahia

Em todo o estado o número de casos chegou a 655.481 desde o inicio da pandemia; contudo o número de recuperados chegou a 627.674; o número de óbitos passou de 11,5 mil. Dos 1.113 leitos de UTI exclusivos para pacientes com a covid em todo o estado, 893 estão ocupados, a taxa atual é de 80% é o maior aumento pelo quarto dia consecutivo.

Em Salvador, a maioria os hospitais apresentam ocupação de 85% a 100%. Hospitais: Aliança (95%); da Bahia (85%); Cardiopulmonar (90%); Teresa de Liseux (100%); São Rafael (97%); bem como o Hospital Santa Isabel (95%); Aeroporto (100%); Português (100%) e Jorge Valente (100%).

 

São Paulo

Por outro lado, o estado de São Paulo, atingiu o maior número de ocupação de leitos de UTI (unidade de terapia intensiva) desde o começo da pandemia, em março de 2020. Atualmente o estado registra 1.978.447 casos confirmados desde o inicio da pandemia.

Eram 6.410 pacientes internados em leitos de UTI, até as 13h desta 2ª feira (22.fev.201). Contudo, o maior número havia sido registrado em julho de 2020, quando 6.257 pessoas estavam internadas nas unidades de terapia intensiva.

“Temos que continuar a seguir as normas e os ritos sanitários. Distanciamento entre pessoas, utilização de máscaras, higienização de mãos e evitar aglomerações. Independentemente das cepas mutantes [do vírus], a transmissão ocorre pela não obediência às normas”, afirmou o secretário de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn.

 

Amazonas

O número de ocupado do estado continua avançar; de acordo com dados divulgados pela secretária de saúde do estado atualmente o Amazonas registra ocupação de 89,85 % dos leitos disponíveis para pacientes com a doença. Dessa forma, a ocupação dos leitos clínicos de covid, chegaram a 80%.

 

 

 

Campanha Vidas Importam 

Veja também: Após alta: 25% dos pacientes intubados com covid-19 morrem por sequelas

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *