Saúde toda Hora

Saúde toda Hora

O Saúde Toda Hora configura-se como uma estratégia do Ministério da Saúde para organizar a  Rede de Atenção às Urgências e Emergências que tem como objetivo, ampliar e qualificar o acesso humanizado e integral aos usuários em situação de urgência nos serviços de saúde,  de forma ágil e oportuna. A organização desta rede, instituída através da Portaria MS/GM 1.600 de 07 de julho de 2011, tem a finalidade de articular e integrar no âmbito do SUS todos os equipamentos de saúde e, deve ser implementada gradativamente em todo o território nacional, respeitando-se os critérios epidemiológicos e de densidade populacional.

Considerando que para organizar uma rede que atenda aos principais problemas de saúde dos usuários na área de urgência é necessário considerar o perfil epidemiológico onde, no Brasil, se evidencia uma alta morbimortalidade relacionada às violências e acidentes de trânsito até os 40 (quarenta) anos e acima desta faixa uma alta morbimortalidade relacionada às doenças do aparelho circulatório. A Rede de Atenção às Urgências priorizará as linhas de cuidado cardiovascular, cerebrovascular e traumatológica.

Constituem a base do processo e dos fluxos assistenciais de toda a rede o acolhimento com classificação do risco, a qualidade e a resolutividade na atenção, que devem ser requisitos de todos os pontos de atenção. São componentes da Rede de Atenção às Urgências as ações de promoção e prevenção à saúde, as Unidades Básicas de Saúde, a Força Nacional de Saúde, as Unidades de Pronto Atendimento (UPA 24 Horas) e o conjunto de Serviços de Urgências 24 horas não hospitalares, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) e suas Centrais de Regulação de Urgências Médicas, as salas de sstabilização, as unidades hospitalares consideradas estratégicas e a Atenção Domiciliar.

Fonte: Sesab

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.