Nutrindo-se de corpo e alma: A importância das emoções para uma boa nutrição

As emoções exercem forte influência sobre o sistema gastrointestinal, e, aliás, sobre todo o organismo do homem. No aparelho digestivo alto, que abrange a boca, a faringe, o estômago, o esôfago, o duodeno, a vesícula, os canais da bile e o fígado, as emoções são particularmente importantes, porque elas podem alterar significativamente a vontade de comer e toda a preparação dos alimentos para o processo digestivo realizado pelo nosso organismo a fim de refazer as energias gastas pelo trabalho.

Algumas emoções são positivas, isto é, são favoráveis, melhoram o funcionamento desses órgãos e, conseqüentemente, facilitam a digestão. Desta forma, os alimentos são digeridos, tornam-se mais saborosos ao paladar e há uma sensação agradável de bem-estar. Ë o que acontece quando a pessoa come devagar, com sossego, mastiga bem e, assim, prepara adequadamente os alimentos para serem engolidos e digeridos pelo estômago. O indivíduo, em estado de tranqüilidade, consegue reservar um tempo suficiente para comer, não come demais e não mistura muita comida em uma mesma refeição. Outras emoções desta espécie são: paciência, serenidade, confiança em si mesmo e nos outros, esperança, alegria e outros estados de espírito semelhantes, que evitam outras espécies de emoções chamadas negativas. As piores e mais comuns emoções negativas são: a ansiedade, a raiva e o medo. A todo momento da vida, se o leitor prestar bem a atenção, verá que essas emoções negativas e positivas tomam conta de nós, sozinhas ou combinadas. As emoções negativas, no entanto, São perigosas para a saúde, e constituem as causas mais freqüentes de variadas doenças que acometem o ser humano sem que ele se dê conta porque agem disfarçadamente. Isto porque elas nascem dentro de nós mesmos.

Associado às emoções é necessário observar os cuidados básicos do cotidiano que se deve ter para uma boa nutrição. De um modo geral, nossa alimentação deve ser:

SUFICIENTE: Para atender a quantidade de alimento necessitada pelo organismo.

COMPLETA: Para fornecer todos os nutrientes requisitados pelo organismo de acordo com as condições individuais.

HARMÔNICA : Para haver proporcionalidade entre a quantidade e a qualidade dos alimentos.

ADEQUADA: De acordo com as necessidades alimentares do indivíduo apropriadas a diferentes fases e condições de vida.

Nesse sentido, caro leitor, para ter uma saúde de FERRO é preciso adotar regularmente hábitos alimentares saudáveis e nutrir bem as nossas emoções. Aí vão 12 dicas SUPER VITAIS !

1. Reduza o consumo de gorduras saturadas prefira os alimentos cozidos, assados ou grelhados ao invés de frituras.

2. Diminua o consumo de doces. Seu excesso aumenta a quantidade de açúcar no sangue podendo levar a diabete e obesidade.

3. Consuma frutas e verduras variadas. Nelas encontramos minerais e vitaminas importantes para o funcionamento do organismo. Além disso, estes alimentos são ricos em fibras que melhoram o funcionamento do intestino.

4. Beba água em quantidades adequadas. Ela ajuda o organismo a trabalhar melhor. Beba mesmo sem sede, tome aproximadamente1,5 a 2 litros por dia.

5. Prefira alimentos naturais e integrais. Reduza o consumo de enlatados, conservas, estes possuem substâncias químicas que podem ser prejudiciais no organismo.

6. Reduza a adição de sal aos alimentos e prefira o uso do sal marinho (não-refinado) e os temperos e naturais O excesso aumenta o risco de hipertensão arterial e doenças cardíacas.

7. Não “pule” refeições. Tenha horários regulares, dividindo as refeições em três principais e não esquecendo dos pequenos lanches que devem ser realizados entre elas.

8. Evite o elevado consumo de carnes gordurosas, embutidos e derivados, sobretudo as carnes vermelhas. Dê preferência à preparações com vegetais, peixes e frango caipira.

9. Evite bebidas alcoólicas. O álcool aumenta o risco de doenças cardíacas, hipertensão, doenças hepáticas e deficiências nutricionais.

10. Coma devagar. Mastigue melhor os alimentos, sem pressa. Assim você se sentirá mais satisfeito.

11. Mexa-se! Pratique atividade física. Ande, dance, movimente-se ! Melhorando a circulação, respiração, além de controlar o estresse e a pressão arterial.

12. Alimente a sua alma, com pensamentos, sentimentos e ações positivas. A boa nutrição das células corporais é um reflexo direto da nutrição essencial que está no âmago da alam humana.

Questão para sua reflexão: Quais são minhas reais necessidades na vida? Estou me nutrindo de corpo e alma?

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.