Inédito: Pesquisa revela estado nutricional de crianças no Brasil

Inédito: Pesquisa revela estado nutricional de crianças no Brasil

Pesquisa inédita a respeito da anemia e deficiência de vitaminas e minerais em crianças de até 5 anos; estão entre os resultados do Estudo Nacional de Alimentação e Nutrição Infantil (ENANI-2019); a analise contou com coordenação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); bem como a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), a Universidade Federal Fluminense (UFF) e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

De acordo com um dos resultados da pesquisa, a insuficiência de vitamina D nessa faixa etária não é um problema de saúde pública no Brasil e que a prevalência da deficiência de vitaminas e minerais  reflete as desigualdades socioeconômicas do país. Assim, as conclusões estarão disponíveis em webinário dia 19 de outubro, das 15h às 16h30, com transmissão ao vivo.

O relatório estará disponível no site da pesquisa.

Além disso, o ENANI-2019 aponta que a prevalência de deficiência de vitamina B12 em crianças menores de 5 anos é de 14,2% no Brasil; com grande diferença entre as macrorregiões: 28,5% no Norte, 14% no Sudeste, 12% no Centro-Oeste; bem como  11,7% no Nordeste e 9,6% no Sul.

Segundo um dos reesposáveis pelo estudo,  “Os dados refletem a situação socioeconômica das famílias brasileiras e corroboram o cenário de insegurança alimentar descrito pelo ENANI-2019. A dificuldade de acesso a esses alimentos pode estar relacionada à alta prevalência de deficiência de vitamina B12 nessa faixa etária”.

 

Campanha Vidas Importam

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *