Governo do Estado e Prefeitura de Salvador anunciam protocolos para retorno de atividades

Governo do Estado e Prefeitura de Salvador anunciam protocolos para retorno de atividades

Durante coletiva virtual, governo do Estado e Prefeitura anunciaram os protocolos e critérios de reabertura das atividades econômicas, religiosas e culturais da cidade. A retomada das atividades será de de forma gradual, seguindo critérios técnicos e científicos, pautados por indicadores epidemiológicos e recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e o diálogo com os diversos setores contemplados, inclusive trabalhadores e empresários, por meio dos sindicatos.

A reabertura, será feita em ciclos de 14 dias a partir da análise dos dados da evolução da doença, tendo em vista a à taxa de ocupação dos leitos de UTI para pacientes com a Covid-19 na cidade. Na fase um, esse índice tem que ser inferior a 75%; na dois, abaixo dos 70%; e na três, menor do que 60%. Nas três fases, os respectivos percentuais precisam permanecer no patamar indicado por pelo menos cinco dias para o início da retomada em cada ciclo. A taxa de ocupação atual é de 81%. Durante a coletiva, o prefeito e o governador anunciaram a criação de mais 75 leitos nos próximos dias, o que deverá permitir, ainda em meados de julho, a retomada das atividades incluídas na fase um.

Na primeira fase de reabertura vão poder reabrir: shoppings centers e centros comerciais correlatos, comércio de rua acima de 200 metros quadrado (aqueles com espaço inferior já podiam abrir seguindo as regras de proteção à vida), templos religiosos e igrejas (havia a limitação de 50 pessoas independentemente do tamanho do salão) e eventos em sistema drive in.

Consulte Plano de Reabertura aqui

 

Veja também: COES recomenda internação precoce a pacientes com coronavírus 

Antecipar relaxamento pode causar nova onda de contagio 

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *