Covid-19: Sanofi e GSK prometem disponibilizar 200 milhões de doses de vacina para países pobres

Covid-19: Sanofi e GSK prometem disponibilizar 200 milhões de doses de vacina para países pobres

Segundo anuncio dos laboratórios Sanofi; bem como GSK nesta quarta-feira (28); irão disponibilizarão 200 milhões de doses de uma futura vacina contra a Covid-19 ao programa internacional Covax.

O Covax Facility é uma iniciativa da Organização Mundial de Saúde (OMS) com o objetivo de distribuir de forma igualitária as futuras vacinas contra a doença. De acordo com o governo; o Brasil passou a fazer parte da Covax.

De acordo com comunicado; os laboratórios francês Sanofi e britânico GSK afirmam ter assinado uma “declaração de intenções” com o Gavi;  administrador jurídico do mecanismo internacional de compras Covax, para “garantir a cada país participante um acesso justo e equitativo às possíveis vacinas contra a Covid-19”.

Além disso; segundo os porta-vozes das farmacêuticas; ambas empresas “têm a intenção de disponibilizar ao programa 200 milhões de doses de uma vacina”; Contudo; os imunizantes ainda precisa ser aprovada pelas autoridades reguladoras.

Por outro lado; o imunizante feito em conjunto entre os laboratórios está na segunda fase de testes em humanos; iniciado em setembro. Apesar disso; de acordo com os responsáveis pelo estudo; preveem obter os primeiros resultados no início de dezembro, podendo iniciar a terceira fase de testes antes do fim do ano.

Além disso; no comunicativo emitido pelas empresas; garantem que têm a vontade e o compromisso de que a vacina contra Covid-19 esteja acessível às populações mais vulneráveis em todo o mundo.

Veja também: Novo estudo: Poluição do ar associada pode aumentar riscos de mortes por Covid-19

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *