Covid-19: O risco aumenta com a idade

Covid-19: O risco aumenta com a idade
Nova publicação da Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC – sigla em inglês); revela o maior risco de idosos e adultos necessitar de hospitalização ou morrer após diagnosticado com COVID-19.

De acordo com a publicação, os riscos com a doença aumentam com a idade, além de possíveis agravamentos por certas condições medicas do pacientes. A publicação também alerta, para o cuidado que pessoas que moram ou visitam esses pacientem, precisam tomar mais precauções para se proteger.

Por exemplo, pessoas na faixa dos 50 anos correm maior risco de doenças graves do que pessoas na faixa dos 40. Da mesma forma, pessoas na faixa dos 60 ou 70 anos estão, em geral, em maior risco de contrair doenças graves do que pessoas na faixa dos 50 anos. O maior risco de doença grave de COVID-19 é entre pessoas com 85 anos ou mais.

Condições medicas

De acordo com o artigo da CDC, outros fatores também podem aumentar o risco de doenças graves, como ter doenças subjacentes . Dessa forma, ao compreender os fatores que o colocam em maior risco é possível tomar decisões sobre que tipo de precauções tomar.

Assim, caso possua alguma comorbidades  deve continuar a seguir seu plano de tratamento:

  • Continue seus medicamentos e não mude seu plano de tratamento sem falar com seu médico.
  • Tenha pelo menos um suprimento para 30 dias de medicamentos prescritos e não prescritos. Converse com um profissional de saúde , seguradora e farmacêutico sobre como obter um suprimento extra (ou seja, mais de 30 dias) de medicamentos prescritos, se possível, para reduzir suas idas à farmácia.
  • Não atrase a obtenção de cuidados médicos de emergência por causa do COVID-19. Os departamentos de emergência têm planos de prevenção de infecção de contingência para protegê-lo de receber COVID-19 se precisar de cuidados.

Desse modo, para reduzir os riscos de contaminações é preciso usar mascaras, respeitar o distanciamento social, lavar as mãos com frequência e da maneira correta; bem como o uso do álcool gel 70º.

 

 

 

 

 

Campanha Vidas Importam 

Veja também: Opas pede que países mantenham imunização contra a Covid-19 com vacina da AstraZeneca

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *