Amazônia +21

Amazônia +21

O projeto Amazônia +21 é uma iniciativa do Município de Porto Velho – RO, por meio de sua Agência de Desenvolvimento, da Federação das Indústrias do Estado de Rondônia, para buscar soluções para o desenvolvimento socioeconômico da região. O fórum que acontece a cada dois anos, tinha data prevista para maio de 2020, porém por conta da pandemia terá retomada dos diálogos em formato virtual 19 de Agosto 2020, o fórum mundial acontece de 04 à 06 de novembro. Veja como se inscrever no evento AMAZONIA +21.

Durante o evento, serão apresentados trabalhos relacionados aos quatro eixos temáticos do fórum: Negócios sustentáveis: desenvolvimento de negócios inovadores e sustentáveis na região amazônica, valorizando as comunidades e produtos locais e respeitando o bioma amazônico; Ciência, tecnologia e inovação(fomento e estímulo à inovação, ciência, tecnologia e pesquisa aplicada para o desenvolvimento local); Funding (mapeamento e ampliação dos fundos para projetos e empreendimentos sustentáveis para o desenvolvimento socioeconômico da região); e Cultura (valorização, preservação, geração de riquezas e fortalecimento da cultura dos Povos da Amazônia e sua relação com o meio ambiente). Acompanhe detalhes e calendário dos eventos.

Sendo a maior iniciativa para criar um ecossistema capaz de fomentar conexões e negócios voltados a inovação para o desenvolvimento sustentável da região amazônica. Terá a participação do General Hamilton Mourão, Vice-Presidente da República e Presidente do Conselho Nacional da Amazônia Legal; Robson Andrade, Presidente da Confederação Nacional da Indústria; Marcelo Thomé S. De Almeida, Presidente da Federação das Indústrias do Estado de Rondônia e Presidente da Agência de Desenvolvimento de Porto Velho; e o do Prefeito de Porto Velhr, Hildon Chaves.

Mais informações sobre o evento no site Amazônia +21

Veja também: Artigo revela o desmatamento predatório da Amazônia e Cerrado

O desmatamento e as queimadas na Amazônia e suas consequências

Queimadas na Amazônia e Pantanal serão proibidas por 120 dias

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *