A situação da pediatria na Bahia: desafios e perspectivas

A situação da pediatria na Bahia: desafios e perspectivas

20.04  .fw

A Bahia tem 417 municípios e 58 cirurgiões pediátricos, dos quais 55 na ativa. Apenas cinco municípios do interior baiano têm cirurgiões pediátricos, com nove distribuídos nestes municípios, nem sempre atuando plenamente por falta de recursos técnicos das unidades de saúde.

Quando uma criança sofre algum trauma por qualquer circunstância, a primeira atitude dos pais e leva-lo à emergência e ao chegar ao pronto socorro, que querem ser atendimento. Só que a situação da capital baiana tem preocupado seus moradores, porque como fica essa situação?  Onde recorrer?  Já que a saúde publica não está ofertando profissionais o suficiente.  

Esse assuunto foi tema do programa  Saúde no Ar, desta sexta-feira (20). Patrícia Tosta conversou com Presidente do Sindimed-Ba, Dr. Francisco Magalhães, e com o físico nuclear, Ezequiel de Oliveira.

Ouça a entrevista na íntegra:

 

O Programa Saúde no Ar é transmitido pela Excelsior AM 840 e rádio on line Saúde no Ar, participação pelo watss App 71 9968-13998 ou  3328-7666.

 

 

 

 

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *