Workshop sobre cardiopatia congênita

Workshop sobre cardiopatia congênita

Ana Nery-555x369No próximo dia 12 de junho, além de marcar a batida do coração dos apaixonados também é a luta dos pequenos corações que desejam um dia ter a possibilidade de se apaixonar.Está data marca o Dia de Conscientização da Cardiopatia Congênita – é uma alteração na estrutura do coração presente antes mesmo do nascimento.

Para chamar a atenção da sociedade baiana sobre a importância desta data o Hospital Ana Nery realizará o seu primeiro Workshop, no dia 11 de junho para alertar sobre os risco e chamar atenção para os cuidados. Um dos temas principais do evento a “Situação atual da criança cardiopata na Bahia. Como modificar?”, será apresentado pela coordenadora da cardiopiatria do HAN, Isabel Guimarães.

As cardiopatias congênitas são a 3ª maior causa de mortalidade neonatal no Brasil, afetando cerca de 29 mil crianças por ano (1% do total), de acordo com dados do Ministério da Saúde. “Cardiopatia Congênita é qualquer anormalidade na estrutura ou função do coração que aparece nas primeiras 8 semanas da gravidez, que é quando é formado o coração do bebê, devido a uma alteração no desenvolvimento embrionário da estrutura cardíaca. Alguns casos são graves a ponto de a criança precisar realizar a cirurgia ainda nas primeiras duas semanas de vida, o que necessita de uma unidade de saúde estruturada para receber estes pacientes”, afirma Isabel Guimarães.

O Hospital Ana Nery é o único hospital público que presta assistência integral à criança cardiopata no Estado da Bahia, contando com uma equipe multiprofissional, composta por cardiologistas e intensivistas pediátricos, sendo responsável por 60% das cirurgias cardiovasculares pediátricas no estado.

Presta assistência ambulatorial, clínica, cirúrgica e intervencionista, tendo um pronto atendimento referenciado, visando avaliar crianças internadas em outras unidades hospitalares, oferecendo assistência multiprofissional envolvendo enfermagem, fisioterapia, nutrição e psicologia.

ABACC

A Associação à Criança e ao Adolescente Cardiopata do Estado da Bahia – ABACC é uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos, que surgiu para acolher crianças e adolescentes cardiopatas, nefropatas e transplantados, além de seus acompanhantes e responsáveis.

O principal objetivo da ABACC é permitir que crianças e adolescentes do interior do estado e da região metropolitana de Salvador tenham acesso aos serviços do hospital, uma vez que o tratamento pré e pós transplantem de cirurgias cardíacas e nefrológicas exigem internação prolongada e revisões frequentes.

A ABACC conta com o serviço social da instituição e doações para o desenvolvimento de suas atividades, que favorecem o tratamento integral do paciente. Na associação também são desenvolvidas ações socioeducativas, atividades lúdicas e pedagógicas, em parceria com a secretaria municipal de saúde, tanto para as crianças quanto para seus acompanhantes.

Durante o mês de junho, também realizaremos uma campanha de arrecadação de donativos para a ABACC, com o objetivo de dar continuidade ao trabalho realizado na Associação.

Programação

08h às 8h30: ABERTURA

8h30 às 10h: MESA 1: Cardiologia Neonatal. Moderadores: médicas Patrícia Guedes e Isabel Guimarães

Temas:

1. Teste da oximetria de pulso: Como realizar? Qual sua importância? – Mirela Almeida

2. Insuficiência cardíaca no neonato. Quando suspeitar e como conduzir? – Karla Pedroza

3. Hipoxemia no neonato: Possiblidade diagnósticas e como conduzir. – Mila Simões

4. Bebê portador de cardiopatia congênita complexa: Qual a melhor forma de transporte para o centro de referência? – Manuela Camões

10h às 10h30: CONFERÊNCIA – Situação atual da criança cardiopata na Bahia. Como modificar? – Isabel Guimarães

10h30 às 12h: MESA 2: Dúvidas frequentas na condução do paciente com cardiopatia congênita em 2018. Moderadores: Elane Costa e Bruno Rocha.

Temas:

1. Quais as evidências: Devo ou não fechar uma Civ restritiva? – José Magalhães.

2. Qual o impacto do vírus sincicial respiratório na criança com cardiopatia congênita? – Idelanio Barreto.

3. Qual o papel da genética na avaliação do meu paciente com cardiopatia congênita? – Angelina Acosta

4. Avaliação cardíaca na Doença de Kawasaki. – Patrícia Guedes

5. Miocardite viral: Diagnóstico e tratamento. – Ana Karina Silveira

12h às 13h: COLÓQUIO – Criança portadora de transposição das grandes artérias: Como conduzir? Questões ainda não respondidas. Moderadores: Isabel Guimarães e Karla Pedrosa.

Palestrantes: Cindy oliveira, Patrícia Guedes, Paulo Ribeiro, Gustavo Mello, Nadia Krachete, Rafaela Silva, enfermeira Alely Vila Flor, fisioterapeuta Deusiane Santo e a psicóloga Priscila Bahia.

13h às 13h15: Encerramento.

Redação Saúde no Ar

Fonte/foto:Ascom Ana Nery

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *