Os dez melhores hospitais públicos

Os dez melhores hospitais públicos

Foto: Agência Brasil

susDez hospitais públicos que atendem ao Sistema Único de Saúde (SUS) no Brasil são destaque por oferecer um padrão de atendimento elevado à população, segundo avaliação da Organização Nacional de Acreditação (ONA). A entidade não governamental certifica a qualidade de serviços de saúde por meio de pedidos das próprias unidades de saúde em todo o País.

No Brasil, 252 hospitais públicos e particulares passaram pela análise da entidade, mas apenas dez das unidades públicas atingiram o nível 3 de excelência, que significa uma “cultura organizacional de melhoria contínua com maturidade institucional”. Outros 86 hospitais particulares, no País, também possuem o nível 3 de excelência.

Os hospitais com certificação máxima estão localizados em três estados: São Paulo, Rio de Janeiro e Pará. A acreditação da ONA ocorre por meio de visitas que podem durar três dias e tem validade de até três anos. O foco da avaliação é na segurança do paciente e na gestão da qualidade, com análise da infraestrutura, internação, controle de infecções, higienização, dentre outros processos.

"Hoje, as unidades públicas deixam de nos procurar porque se considerarem abaixo do padrão exigido", afirmou Maria Carolina Morenos, superintendente da ONA, à revista Exame. "Além da valorização do próprio funcionário do hospital, quando o local conquista o selo, os pacientes conseguem sentir na prática a qualidade dos serviços".

De acordo com a superintendente, é necessária a implantação de melhorias para que os hospitais consigam atingir as exigências da ONA. "O hospital que atinge o nível máximo de excelência é uma unidade que se preocupa com a segurança do paciente".

Mais da metade da lista de hospitais públicos acreditados pela ONA está no estado de São Paulo. São eles: Hospital das Clínicas Luzia de Pinho Melo (SPDM) – Mogi das Cruzes; Hospital Estadual de Diadema (SPDM) – Diadema; Hospital Estadual de Sumaré (Unicamp) – Sumaré; Hospital Estadual de Vila Alpina (Seconci) – São Paulo; Hospital Geral de Itapecerica da Serra (Seconci) – Itapecerica da Serra; Hospital Municipal de M'Boi Mirim (Einstein) – São Paulo; e Hospital Regional de Cotia(Seconci) – Cotia.

No Pará, estão dois hospitais acreditados em excelência: Hospital Regional do Baixo Amazonas (Pró-Saúde) – Santarém e Hospital Regional Público da Transamazônica (Pró-Saúde) – Altamira. No Rio, o único hospital no ranking de nível máximo é o Hospital Estadual Transp. Câncer e Cirurgia Infantil, que fica na capital.

 

Fonte: Revista Exame 

Redação Saúde no Ar*

João Neto

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.