Gordura demais, massa óssea de menos

Gordura demais, massa óssea de menos

adolescentes-obesosUm estudo realizado pela nutricionista Valéria Nóbrega, na Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Botucatu aponta atualmente que os adolescentes são vítimas de gordura demais e massa óssea de menos – ou seja, cintura inflada e os ossos fracos entre a garotada.

Para o estudo, foram avaliados 271 adolescentes na faixa etária dos 10 a 16 anos, todos acima do peso. Na pesquisa, constatou-se que 14% deles apresentavam síndrome metabólica – um conjunto de condições que ameaçam as artérias, como pressão elevada, colesterol alto e gordura acumulada no abdômen. A pesquisadora ainda notou que a massa óssea dos participantes com o distúrbio deixava a desejar e ressalta ser um problema sério nessa etapa da vida. “Ela é considerada o período crítico para a formação dos ossos”, enfatiza a nutricionista ao explicar  que o esqueleto não ganha forças, e pode adquirir futuramente problemas como osteoporose.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *