Feira de Santana recebe mutirão

Feira de Santana recebe mutirão

Fotos: Divulgação

Milton GomesO Mutirão Social do Pacto Pela Vida levou centenas de pessoas ao Centro Social Urbano Cidade Nova, em Feira de Santana, no centro norte da Bahia, neste sábado (4). “Eu gastaria cerca de R$ 33 para tirar a segunda via de minha identidade, [mas] com essa iniciativa do governo, irei utilizar esse dinheiro com comida para minha casa”, disse Milton Gomes, 47 anos, morador do bairro Feira X.

A ação é desenvolvida pela Câmara Setorial de Prevenção Social, sob a coordenação da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), em articulação com diversas secretarias de Estado, órgãos municipais, Defensoria Pública e Ministério Público, entre outras instituições.

Notícias relacionadas: 

Saúde e lazer marcam inauguração de avenida

Comemoração ao Dia do Meio Ambiente

O sol escaldante do Sertão baiano não foi obstáculo para quem procurava vagas de empregos, atendimento odontológico, orientações junto ao Procon e emissão de documentos como CPF, certidão de nascimento, carteira de identidade e de trabalho, além de solicitação de desligamento de água, renegociação da conta e cadastramento para inclusão na tarifa social.

odontomovel baixaO Mutirão Social também ofereceu a possibilidade de aquisição de lâmpadas econômicas e o cadastro para a troca de eletrodomésticos, uma ação da Coelba para redução do consumo de energia elétrica. Embaixo de um guarda-chuvas, encostada em uma geladeira velha, a dona de casa Maria dos Santos, 36 anos, viu na ação a oportunidade de trocar o congelador usado por um novo. “Estou desempregada e não teria condições de comprar uma geladeira nova. Agradeço a Deus por essa iniciativa”, afirmou.

Já o autônomo Antônio Araújo, 34, buscou os serviços odontológicos no local junto com a família. “Eu trouxe a mulher e os filhos. Com certeza, fiz uma boa economia”, comemorou. O Odontomóvel atendeu cerca de 500 pessoas e realizou mais de 5 mil procedimentos odontológicos, em cinco dias de serviços no CSU.

Presente no evento, o secretário de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social, Geraldo Reis, ressaltou que “um governo não se faz apenas com obras, cuidar do cidadão é um dever dos governantes”. Para o capitão Ermilio, comandante da Base Comunitária de Segurança do bairro Rua Nova, essa ação também é uma maneira de combater a criminalidade. “Quando se dá dignidade ao cidadão, paralelamente se contribui para formar homens de bem. Esta é uma grande iniciativa”.

Fonte: Secom 

Redação Saúde no Ar*

 

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.