Estado reforma o hospital de Gandu

Estado reforma o hospital de Gandu

Fotos: Divulgação

1467311075gandu_1 Com investimento aproximado de R$ 450 mil, resultado de convênio da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) com o governo municipal, o Hospital João Batista Assis, em Gandu, na região sul da Bahia e a 215 quilômetros de Salvador, foi totalmente reformado e teve o número de leitos ampliado de 30 para 60.

A inauguração das novas instalações ocorreu, nesta quinta-feira (30), com a presença do titular da Sesab, Fábio Vilas-Boas. Ele ressaltou a importância do hospital para Gandu e municípios vizinhos como Wenceslau Guimarães, Ipirá, Teolândia, Pira do Norte, dentre outros, que encaminham seus pacientes para a unidade – a população desses municípios é de aproximadamente 80 mil habitantes.

Notícias relacionadas:

Obras da PPP de imagem avançam na Bahia

Martagão Gesteira reinaugura UTI

1467311076gandu_2(1)"Estamos colocando em prática o projeto do Governo do Estado, que é investir na interiorização da saúde para evitar que pacientes saiam de suas cidades, para se tratar em outras regiões ou até mesmo na capital", afirmou Fábio Vilas-Boas. O secretário ressaltou que o governo está priorizado a saúde.

O secretário de Saúde do município de Gandu, Kleiton Lismar de Souza Oliveira, explica que "hoje está sendo entregue o hospital com sua reforma estrutural, mas o mobiliário e todos os equipamentos serão transferidos do antigo hospital para esta unidade nova dentro de 15 dias. A mudança requer cuidados, pois temos cerca de 30 pacientes ainda internados". Segundo ele, os recursos humanos são os mesmos da outra unidade de saúde.

Urgência e emergência

A unidade de urgência e emergência em obstetrícia, pediatria, ortopedia e clínica médica, atende a demandas espontâneas e referenciadas dos municípios pactuados, além das consultas eletivas nas especialidades de clínica médica, cirúrgica, obstétrica e pediátrica. O hospital realiza também exames de Raio X, ECG, patologia clínica básica e ultrassonografia.

“Gandu necessitava de um novo hospital, pois o serviço que está em funcionamento tem 30 anos e o prédio está bem desgastado”, disse Silvano Dias de Souza, morador de Gandu. A rede de saúde do município inclui ainda a Unidade de Saúde da Família, dois postos de saúde, Núcleo de Apoio Psicológico e Núcleo de Apoio à Atenção Básica.

Fonte: Sesab

Redação Saúde no Ar*

João Neto

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *