ECOAR- Preços altos geram incerteza na mesa dos brasileiros

ECOAR-  Preços altos geram incerteza na mesa dos brasileiros

Numa parceria de cooperação técnica/conteúdos entre o Programa Excelsior saúde, Portal Saúde no Ar e a Pró-reitoria de extensão da Universidade Federal da Bahia, publicaremos a partir desta data, às quartas-feiras, o Podcast  ECOAR, uma série sobre agroecologia e saúde.

A produção de conteúdos sobre a temática agroecologia/saúde será transmitida à comunidade, através deste Portal e também pelo Programa, Excelsior Saúde, veiculado pela Rádio Excelsior/AM840, tendo a apresentação da comunicadora, Patricia Tosta.

Esta iniciativa tem a coordenação da Profa. Dra. Josanidia Santana Lima (Profa. de Agroecologia/Instituto de Biologia da UFBA) e colaboração dos alunos da disciplina, ACCS- Ação Curricular em Comunidade e em Sociedade/Comercializando a produção agroecológica.

Teremos publicação semanal, sempre às quartas-feiras com conteúdos inéditos de interesse da comunidade em geral.

Confira o conteúdo desta edição.

PODCAST 05 – 

Participação: Juan Vitor Gramacho /Estudante do Bacharelado Interdisciplinar em Saúde. 

Entrevistada: Flávia Ramos/ Doutora em Alimentos e Nutrição Pela UFBA

Mais de 50% dos brasileiros não sabem se terão alimentos no futuro próximo

Com mais de 50% da população brasileira em situação de insegurança alimentar e o Nordeste vendo a fome bater em mais portas, o tema volta a ser destacado aqui no Ecoar – Nosso Bate Papo Sobre Agroecologia e Saúde. O programa vai ao ar por meio da parceria do programa Excelsior Saúde e Portal Saúde no Ar com a Pró-reitoria de extensão da Universidade Federal da Bahia (Ufba). Mas afinal o que é insegurança alimentar e como está a situação nas regiões brasileiras? São essas questões que a doutora em Alimentos e Nutrição pela Universidade Federal da Bahia, Flávia Ramos,vai nos ajudar a entender na edição desta quarta-feira, dia 29 de setembro.

Essa insegurança não se dá em níveis iguais nas regiões do Brasil. As regiões mais afetadas são a Norte e Nordeste, detalha Ramos. Ela explica que em termos proporcionais, a fatia afetada pela fome, que é de 13,1% no Nordeste, é maior que o dobro do encontrado no Sul e Sudeste. Ela enfatiza que é preciso políticas de redução das desigualdades sociais e que garantam o acesso aos alimentos para toda a população. Vale lembrar que em 2014, as Nações Unidas declararam que o Brasil estava fora do Mapa da fome.

Existem três níveis de insegurança alimentar: aquela em que a família está se alimentando, mas não tem segurança se vai ter alimentos no futuro, é o nível mais leve, aquele nível em que os adultos deixam diminuem suas porções é nível moderado, e a total ausência de alimentos, que o nível mais grave, em que se configura a fome, explica a pesquisadora. A estudiosa acredita que  o enfraquecimento de políticas sociais focadas em reduzir as desigualdades no acesso aos alimentos é a principal causa para essa situação atual. “Deixou de ser uma vontade política”, comenta Ramos.

O Ecoar vai ao ar às quartas-feiras, sempre debatendo temas que tenham relação com a agroecologia – ciência que abarca formas de produção e de vida com base na produção limpa,  economia solidária  e  modo de vida que dialoguem com os ciclos da terra e da água, de forma mais respeitosa e justa.  O material é produzido por estudantes da Atividade Curricular em Comunidade e Sociedade – Comercializando a Produção Agroecológica, sob a liderança da Professora Titular, Josanídia Santana  Lima, do Instituto de Biologia da Ufba.

Mais informações estão disponíveis nas redes sociais com o ig @feiraagroecológicaufba.

Neste terceiro episódio,  o tema apresentado é:

O podcast

O Ecoar vai ao  ar às quartas-feiras, sempre debatendo temas que tenham relação com a agroecologia – ciência que abarca formas de produção e de vida com base na produção limpa,  economia solidária  e  modo de vida que dialoguem com os ciclos da terra e da água, de forma mais respeitosa e justa.  O material é produzido por estudantes da Atividade Curricular em Comunidade e Sociedade – Comercializando a Produção Agroecológica, sob a liderança da Professora Titular, Josanídia Santana  Lima, do Instituto de Biologia da Ufba.

Saiba mais: Para conferir todas as edições deste PodCast – acesse o link: ECOAR

Sobre o Proext

A Pró-Reitoria de Extensão é responsável por coordenar, fomentar e articular as atividades de extensão universitária das diversas Unidades e Órgãos Complementares da UFBA por meio de programas, projetos, cursos e eventos. Reconhecendo o ensino, a pesquisa e a extensão como indissociáveis, as ações implementadas pela Pró-Reitoria abrangem dois grandes campos do saber – o da Arte e Cultura e o da Ciência e Tecnologia – e compreendem a disseminação desses saberes.Tem como objetivo promover a integração entre a Universidade e a sociedade na troca de experiências, técnicas e metodologias, permitindo ao aluno uma formação profissional com responsabilidade social, dando ao professor oportunidade de legitimar socialmente sua produção acadêmica e elevando a UFBA ao patamar de uma universidade cidadã, voltada para os grandes problemas da sociedade contemporânea. Contato: Pró-Reitoria – (71) 3283-5950

Conheça os canais de informação sobre a Feira Agroecológica:

Instagram  

Facebook  

Site

YouTube: 

 

 

O  Excelsior Saúde é exibido de segunda à sexta-feira, das 9 às 10h, com transmissão pelas Rádios Excelsior AM 840 e Saúde no ar (web). Acompanhe pelo site: https://redeexcelsior.com.br ou pelo aplicativo Rádio Saúde no Ar. Participação pelo  whats app (71) 9-9681-3998.

Fonte: GT/Feira Agroecológica – Rádio

Redação Saúde no Ar.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *