Circo Francês alegra HGRS

Circo Francês alegra HGRS

CircoAs lonas e o picadeiro foram substituídos pelas paredes da Ala Pediátrica do Hospital Geral Roberto Santos (HGRS), na manhã desta terça-feira (18). As crianças internadas na unidade acompanharam um miniespetáculo exclusivo de artistas do circo francês Le Cirque Amar, que, atualmente, está em turnê na capital baiana.

Essa é a segunda vez que artistas circenses se apresentam para os pequeninos que estão na emergência, enfermaria, Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e diálise, setores que compõem a Ala Pediátrica do HGRS, maior hospital pediátrico do Nordeste brasileiro, em termos de leitos e atendimentos. Segundo o diretor geral do Hospital, José Admirço, "são crianças que, às vezes, ficam meses no Roberto Santos, esperando a resolução do tratamento. Rir também faz parte do tratamento. Há um impacto positivo quando a criança está motivada e inserida em uma atividade como essa”.
 
A convite da administração do Hospital Roberto Santos, o Le Cirque Amar fez cerca de duas horas de apresentação, que aconteceu na recepção e em setores onde as crianças não podem sair, por conta do tratamento. Foram 15 atrações, inclusive palhaços, mágico, super-heróis, malabaristas, contorcionistas e personagens famosos de desenhos animados. 
 
O produtor do circo na América Latina, Bryan Stevanovich, lembra que “a companhia vem fazendo isso por todas as cidades onde passa, e Salvador não poderia ficar de fora”. Ele explicou que “preparar um show dentro de um hospital é um pouco mais difícil, mas o circo tem a magia e o poder de entrar no coração e fazer essas crianças esquecerem um pouquinho da dor que sentem”.
 
Na ocasião, não faltaram gargalhadas, muita alegria, algodão doce e pipoca. Pais e filhos se divertiram junto com a equipe do hospital. Uma das pacientes pediátricas do Roberto Santos, Júlia, de 3 anos, é filha do motorista Fernando Bonfim Novaes. O pai destacou que “a menina se divertiu muito em um dia muito especial, em que irá receber alta e voltar para casa”. Criado na França pelos irmãos Stevanovic, descendentes de Saltimbancos, o Le Cirque Amar já esteve em mais de 20 países. Em Salvador, a atração está em cartaz na Avenida Paralela (ao lado do Colégio Villa), de terça a domingo.

 

 

Fotos: Carol Garcia/GOVBA

Fonte: SECOM

Redação Saúde No Ar

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *