Brasil cai de posição no Ranking da Felicidade

Brasil cai de posição no Ranking da Felicidade

tristezaA edição 2017 do Relatório Mundial da Felicidade, divulgado nesta segunda-feira (20), pela ONU, apontou que o Brasil caiu cinco posições no ranking e agora está no 22º lugar entre 155 países.

Essa não é a primeira vez que há queda do país dentro do ranking. Na edição de 2016, referente ao período de 2013 a 2015, o país já havia caído do 16º para o 17º lugar. O levantamento é baseado em uma única pergunta simples e subjetiva feita a mais de 1 mil pessoas todos os anos em mais de 150 países.

"Imagine uma escada, com degraus numerados de zero na base e dez no topo", diz a pergunta. "O topo da escada representa a melhor vida possível para você e a base da escada representa a pior vida possível para você. Em qual degrau você acredita que está?"

O resultado médio é a nota do país – que, neste ano, variou de 7.54 (Noruega) a 2.69 (República Centro-Africana).Entre os dados observados, estão também o desempenho da economia (medido pelo PIB per capita), apoio social, expectativa de vida, liberdade de escolha, generosidade e percepção de corrupção.


O ranking de 2017 é encabeçado pela Noruega, que tirou a liderança da Dinamarca. Islândia, Suíça e Finlândia completam a lista das nações mais felizes do mundo.Na outra ponta, as mais tristes são Ruanda, Síria, Tanzânia e Burundi. A República Centro-Africana ocupa a lanterna.
 

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *