Bahia registra 19 óbitos pelo subtipo A H1N1

Bahia registra 19 óbitos pelo subtipo A H1N1

Os-cuidados-para-evitar-o-vírus-H1N1-no-ambiente-de-trabalhoA Bahia registra 164 casos  pelo subtipo A H1N1  com 19 mortes. A Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) divulgou nesta terça-feira (29), um relatório no qual informa que até o dia 26 de maio, deste ano, foram notificados 1.090 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), com 82 óbitos. Dentre esses casos, 209 foram confirmados para Influenza, sendo 164 pelo subtipo A H1N1, com 19 deles evoluindo para óbito.

Em 2017, no mesmo período foram notificados 275 casos de SRAG, com 21 óbitos. Dentre eles, 23 foram confirmados para Influenza, sendo dois casos de Influenza A H1N1 e nenhum óbito por A H1N1.

43 municípios baianos foram confirmados com  os casos de – A H1N1- e os óbitos ocorreram em nove deles. Salvador foi a cidade onde ocorreu o maior número de vitimas fatais, um total de 11 óbitos. Nos munícipios de  Apuarema (1); Camaçari (1); Irará (1); Lauro de Freitas (1); Retirolândia (1); Saúde (1); Serrinha (1) e Vitória da Conquista (1).

Redação Saúde no Ar

Fonte:Sesab

Foto:Internet

 

 .

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *