UPA é inaugurada em Brotas

UPA é inaugurada em Brotas

Fotos: Facebook/Prefeitura de Salvador 

650x375_upa-brotas-upa-de-brotas_1640421Os moradores da região de Brotas, uma das mais populosas de Salvador, contam a partir desta sexta-feira (3) com o atendimento da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24h da localidade na Rua Jardim Madalena. A inauguração da estrutura foi realizada nesta quinta-feira (2), com as presenças do prefeito ACM Neto e população.

De acordo com o prefeito, os avanços realizados na área da saúde seguem ritmo intenso há três anos e meio, seguindo a marca da administração municipal. “Salvador antes possuía uma UPA municipal, em Periperi, que recebia várias reclamações devido à falta de médicos, profissionais e equipamentos. A primeira ação foi recuperar esta unidade e, depois, reparar a diferença histórica de falta de leitos em urgência e emergência na cidade. Tudo isso com recursos próprios”, apontou, ao lembrar a falta de repasse de recursos do Ministério da Saúde e afirmar que a organização das contas municipais possibilitou que o Executivo municipal investisse 19% do orçamento na saúde.

Notícias relacionadas:

Multicentro de Saúde na Liberdade

UPA e centro odontológico são inaugurados em Lauro de Freitas

O secretário Rodrigues Alves salientou que, até o momento, Salvador conta com 168 leitos na rede pré-hospitalar, contra 24 existentes no início de 2013. Também foi ampliado em dobro o número de profissionais em urgência e emergência municipal e, nos próximos dias, deverá ser assinada a ordem de serviço para a construção do Hospital Municipal de Cajazeiras.

Estrutura 

reproducao-facebook_1640422Com investimento de cerca de R$4 milhões, a UPA Brotas possui área de 1.629 m² e capacidade de atendimento de até 500 pacientes por dia e, em breve, a estrutura contará também com um posto avançado do Samu-192 e um posto da Polícia Militar para suporte. São 24 leitos de observação, sendo quatro de reanimação, 12 leitos de observação classificado em seis femininos e seis masculinos, cinco leitos de observação pediátricos e três leitos de isolamento. Seis médicos trabalharão por turno nas áreas de clínica médica, pediatria, ortopedia e cirurgia, contando também com a atuação de profissionais de odontologia, enfermagem, serviço social, nutrição, farmácia e apoio diagnóstico.

A estrutura física está dividida em seis consultórios médicos, um consultório odontológico, duas salas de inaloterapia adulto e pediátrico, duas salas de administração de medicamentos adulto e pediátrico, laboratório, central de material esterilizado, sala de classificação de risco – adulto e pediátrico, sala de reanimação, salas de RX, ECG, sala de pequenos procedimentos, serviço social e farmácia satélite. Além disso, conta com recepção, salas de espera, áreas administrativas e salas para infraestrutura tais como copa, vestiários, depósito de material de limpeza e almoxarifado.

A unidade está interligada às redes de regulação estadual e municipal. Com as próximas UPAs a serem entregues, localizadas nos bairros de  Paripe e Pirajá, a oferta chegará a 216 leitos de observação.

 

Redação Saúde no Ar*

João Neto

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.