Programa Primeiro Emprego

As portas para o primeiro emprego estão abertas, por meio do Programa Primeiro Emprego, para nove mil jovens egressos da Rede Estadual de Educação Profissional, formados a partir de 2015.  Até o momento, mais de 80 empresas privadas também já manifestaram interesse em participar do programa.No setor público as vagas serão destinadas às áreas da Saúde, Educação e Segurança Pública. Rui avalia que “o programa é um estímulo para melhorar a qualidade das nossas escolas e para a juventude que busca uma oportunidade, para que ela possa se destacar pelo seu talento, pela sua dedicação, não por favores ou indicações de políticos. Será pelo esforço pessoal de cada jovem que eles vão entrar e permanecer no mercado de trabalho, a partir deste primeiro contato, desta primeira experiência”.

Notícias relacionadas

Curso muda vida de pessoas

Projeto Bahia Território Esportivo

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), através do Hospital Geral do Estado 2 (HGE 2), já está empregando 33 jovens nas áreas de técnico de enfermagem, técnico administrativo, informática, dentre outros. O titular da pasta, Fábio Vilas-Boas, explica que “Além do trabalho do dia a dia, os jovens vão passar por capacitações e acompanhamento, para que sejam totalmente preparados para o mercado de trabalho após o término do Programa”. Ele acrescenta que na Sesab serão disponibilizadas mais de 2.500 vagas a serem preenchidas até 2018.

Ao conquistar a vaga, intermediada pela Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), os egressos terão carteira de trabalho assinada e todos os direitos garantidos. O contrato tem duração de 24 meses no Estado, já as empresas particulares têm a prerrogativa de definir se haverá a continuidade do contrato. A remuneração nas instituições privadas é a partir de um salário mínimo, já nos órgãos estaduais, o contemplado terá salário mínimo, plano de saúde (Planserv) e vale transporte.

Acesse http://estudantes.educacao.ba.gov.br/primeiroemprego para mais informações.

Redação Saúde no Ar

João Neto

O jornalismo independente e imparcial com informações contextualizadas tem um lugar importante na construção de uma sociedade , saudável, próspera e sustentável. Ajude-nos na missão de difundir informações baseadas em evidências.Apoie e compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.