Paternidade Responsável

Paternidade Responsável

O grande acontecimento,

O grande encontro,

O Sim, como resposta para outro ser evoluir aqui;

Naquele milionésimo segundo, de entrada do espermatozoide, a raiz paterna com toda sua ancestralidade enigmatizada;

No encontro com o óvulo e a quietação com outra ancestralidade materna

O encontro perfeito!!!

Os pais necessários!!!

A família desejada, para uma jornada espetacular!!!

Esse elo que nos nutre e recordamos em aprendizados profundos

Faze-nos evoluir com leveza e com ombros amigos

À luz da lei, a luz da ciência, a luz da espiritualidade, a luz da religião

Formamos ilhas em redes de convivências para evoluir

No Art. 226 da nossa Carta Magna A família, é lembrada como base da sociedade, tem especial proteção do Estado.

Exercidos igualmente pelo homem e pela mulher (§ 5º do art. 226).

§ 7º Fundado nos princípios da dignidade da pessoa humana e da paternidade responsável, o planejamento familiar é livre decisão do casal, competindo ao Estado propiciar recursos educacionais e científicos para o exercício desse direito, vedada qualquer forma coercitiva por parte de instituições oficiais ou privadas.”

Na ciência, um sistema de relações contínuas e interligadas com características peculiares de cada ator;

Na Espiritualidade, seres divinos compartilhando processos em evoluções sistêmicas

Na religião, o religare com o pai criador na essência da família do redentor

Lembrar neste ato da Paternidade Responsável, é não esquecer do compromisso do nosso PAI Criador com a promessa da vida eterna em prosperidade.

Paz e Luz

Ezequiel Oliveira

Mestre em Medicina e Saúde Humana – Faculdade Bahiana de Medicina. Formado em Física pela Universidade Federal da Bahia e Pós Graduado pelo Instituto Nacional do Câncer.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *