OMS emite declaração provisória das vacinas contra Covid-19

OMS emite declaração provisória das vacinas contra Covid-19

Nova nota da Organização Mundial da Saúde; publicada com o apoio do Technical Advisory Group on COVID-19 Vaccine Composition (TAG-CO-VAC); destaca que as equipes de ambas entidades continua a revisar e avaliar as implicações para a saúde pública das variantes; emergentes de preocupação (VOC) do SARS-CoV-2 em o desempenho das vacinas COVID-19.

De acordo com a OMS, desde a publicação da declaração provisória sobre as vacinas COVID-19 em 11 de janeiro de 2022, a Omicron tornou-se o VOC dominante globalmente, substituindo rapidamente outras variantes circulantes.

Situação epidemiológica

Assim, segundo a nota, a atual situação epidemiológica global é caracterizada pelo domínio rápido e relativamente sincrônico da variante Omicron em todas as seis regiões da OMS. Embora os casos globais estejam diminuindo, há recursos e capacidades de teste reduzidos em algumas áreas.

Vacinas atuais da COVID-19

Em referência a vacinação global, a OMS, ressalta que a meta de saúde pública da vacinação contra a COVID-19 prioriza a proteção contra doenças graves e morte. As vacinas atuais parecem conferir altos níveis de proteção contra doenças graves associadas à infecção por Omicron. “O TAG-CO-VAC, portanto, apoia fortemente o acesso urgente e amplo às vacinas COVID-19 atuais para séries primárias e doses de reforço” diz parte da nota.

 

 

Campanha Vidas Importam

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.