Nota Premiada Bahia ultrapassa marca de meio milhão de participantes

Nota Premiada Bahia ultrapassa marca de meio milhão de participantes
A Nota Premiada Bahia, campanha de cidadania fiscal do governo baiano, acaba de ultrapassar a marca de meio milhão de participantes cadastrados em todo o estado. Além de prêmios mensais de R$ 100 mil e especiais de R$ 1 milhão, os participantes apoiam o trabalho de 528 instituições filantrópicas ativas no programa Sua Nota é um Show de Solidariedade, com as quais compartilham as notas fiscais, e ajudam o fisco estadual no combate à sonegação.
Para concorrer e fazer as doações, é preciso realizar cadastro no site da campanha (www.notapremiadabahia.ba.gov.br) e solicitar a inclusão do CPF cadastrado a cada compra realizada em estabelecimentos emissores da Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFC-e).
Lançada pela Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz-BA)  em 2018, a campanha já premiou 202 participantes. Foram 200 prêmios regulares de R$ 100 mil cada, nos últimos 20 meses, e também os dois sorteios especiais de R$ 1 milhão, realizados em junho de 2018 e em março de 2019. Os vencedores moram em 27 municípios baianos. Salvador, Feira de Santana, Camaçari, Simões Filho, Lauro de Freitas, Itabuna, Jequié, São Gonçalo dos Campos, Vitória da Conquista, Ipiaú e Barreiras são, até agora, aqueles com maior número de premiados.
A capital, por enquanto, responde por 60% do número de participantes, totalizando cerca de 299 mil inscritos, para 201 mil do interior. Mas a proporção tem ficado mais equilibrada com o crescimento das inscrições em todo o estado, à medida que os prêmios vão saindo para diferentes cidades.
“Foi Deus mesmo, um milagre”, afirma a cabeleireira Fabiana Gonçalves, vencedora em agosto de 2018, brincando com o nome da cidade onde mora, Milagres, localizada no centro sul baiano. Ela soube da campanha quando foi à unidade do SAC Móvel estacionada no município, dois meses antes, para renovar o RG. Convidada por uma servidora a se cadastrar na Nota Premiada Bahia, a cabeleireira topou na hora e passou a incluir o CPF a cada compra em estabelecimentos emissores da nota eletrônica.
Algumas semanas depois, veio a boa notícia: seu nome estava entre os dez ganhadores de R$ 100 mil na premiação mensal. “Nunca imaginei que isso fosse acontecer, principalmente comigo, que moro em uma cidade muito pequena e nunca ganhei nada, nem rifa. Eu achava que essas coisas só aconteciam na capital”, conta Fabiana Gonçalves.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *