Brasil reduz em 83% o risco de morte devido ao aborto

Um relatório divulgado recentemente pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento aponta que, de 1990 a 2012, houve no Brasil uma redução de 83,7% do risco de morte de mulheres devido a aborto. De acordo com o ministro da Saúde, Arthur Chioro, a redução da mortalidade materna no país é resultado da melhoria das ações de atenção à saúde da mulher, com destaque para a Rede Cegonha que  tem o objetivo de oferecer às gestantes usuárias do SUS atendimento cada vez mais qualificado e humanizado, desde o planejamento reprodutivo, passando pelo pré-natal, até o segundo ano de vida da criança. 

Fonte: Ministério da Saúde

O jornalismo independente e imparcial com informações contextualizadas tem um lugar importante na construção de uma sociedade , saudável, próspera e sustentável. Ajude-nos na missão de difundir informações baseadas em evidências.Apoie e compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.