As Doenças Sexualmente Transmissíveis no Brasil

As Doenças Sexualmente Transmissíveis no Brasil

Segundos dados da OMS – Organização Mundial de Saúde no Brasil ocorrem cerca de 12 milhões de casos de pessoas com Doenças Sexualmente Transmissíveis ao ano, antigamente eram conhecidas como doenças venéreas. “Entre às mais comuns estão a Sífilis a gonorreia a herpes genital e o HPV. As DST são transmitidas principalmente por atividade sexual sem camisinha e podem se manifestar de diversas formas ou ate mesmo não apresentar sintoma algum”, de acordo com a médica Natali Reis.

Um dos problemas para o tratamento das DST é que muitas pessoas por vergonha não assumem que estão com a doença, o que é um erro. A pessoa com DST não deve continuar mantendo relações sexuais sem camisinha para não transmitir o vírus para o parceiro, por isso à importância de procurar o profissional adequado assim que perceber alguma alteração na região do ânus na vagina ou no pênis, a fim de detectar a doença de forma precoce.

 

Hoje as DTS tem se tornado motivo de preocupação, já que as feridas causadas por essas doenças facilitam a contaminação pelo vírus da AIDS, a camisinha ainda é o método mais seguro para evitar a doença.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *