Uma celebração de reconhecimentos

Uma celebração de reconhecimentos

A União de Sociedades Espiritualistas, Filosóficas, Científicas e Religiosas – UNISOES marcou seus 30 anos de atividade, em uma celebração de reconhecimentos. Subiram ao palco do Centro Cultural da Câmara de Vereadores de Salvador (Praça Tomé de Souza), na noite da última sexta-feira, 22.11 para receber o prêmio Nelson Mandela, instituições e personalidades que se destacaram em ações voltadas para a construção de um mundo mais humano e solidário.
A cada entrega um filme era exibido, mostrando as ações das Instituições premiadas que foram aplaudidas pelo anfiteatro lotado, um reconhecimento público, confirmando as escolhas.
O troféu baixo-relevo de uma representação do líder sul-africano Nelson Mandela, Prêmio Nobel da Paz de 1993 – criado pelo artista plástico Roberto D’Araújo. Foi entregue a Divaldo Franco, representando a Mansão do Caminho, a Washington Couto, representante do Hospital Aristides Maltez, ao professor Wilson Santos as Faculdades Integradas AGES, a Sérgio Nogueira Reis Mestre em Direito e introdutor da abordagem transdisciplinar holística na área jurídica, ao maestro Ricardo Castro, pela Neojibá, representante de Ernst Gotsch a agricultura sintrópica, Enoé Texier, Cooperação Inter-Religiosa: URI – Iniciativa das Religiões Unidas, Escola Pracatum, na categoria relevância científica: Ricardo Ribeiro dos Santos e Milena Soares (Fiocruz e Senai Cimatec), pioneiros no trabalho de Pesquisa com Células Tronco e Biotecnologia; e Mídia da Paz: José Raimundo, repórter da Rede Bahia de Televisão.
A cerimônia foi finalizada com uma meditação coletiva guiada por Ida Meireles, Coordenadora Regional da Brahmakumaris.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *