Teste que rastreia zika, dengue ou Chikungunya é um dos projetos finalistas de prêmio de Inovação Médica

Teste que rastreia zika, dengue ou Chikungunya é um dos projetos finalistas de prêmio de Inovação Médica

Um trabalho realizado pelos pesquisadores da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), no interior paulista, que  diferenciar dengue, zika e Chikungunya em um único teste – é um dos projetos finalistas da 2ª edição do Prêmio Abril & Dasa de Inovação Médica.

A tecnologia se baseia na análise de moléculas encontradas no sangue dos pacientes, comparadas por meio de inteligência artificial com um banco de dados de amostras infectadas com essas doenças. Num único teste, portanto, são pesquisadas três enfermidades, de forma mais precisa e a um custo menor.

A 2ª edição do Prêmio Abril & Dasa de Inovação Médica (http://premiodeinovacaomedica.com.br/) selecionou projetos desenvolvidos por universidades, hospitais, centros de pesquisa, clínicas, Organizações Não-Governamentais (ONGs) e startups de todo o Brasil, em cinco categorias diferentes: Inovação em Genética, Inovação em Medicina Diagnóstica, Inovação em Tratamento, Inovação em Medicina Social e Inovação em Prevenção
Os vencedores da 2ª edição do Prêmio Abril & Dasa de Inovação Médica serão revelados na premiação no dia 8 de novembro, em São Paulo.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *