Viagens com Pets

Viagens com Pets

 

feriasQuando todos os membros da família resolvem viajar de carro, geralmente decidem levar o seu animal de estimação.Só que  esquecem de um detalhe, se o homem pode enjoar no deslocamento do veículo, o pet também. Isso vale para qualquer tipo de transporte, terrestre, aquático ou aéreo.

A isto dá-se o nome de naupatia, que não é uma doença, mas incomoda tanto que pode transformar um simples passeio num verdadeiro suplício. Os sintomas são parecidos com as sensações que os donos poderia sentir, náuseas, vômitos, salivação abundante, bocejos irritação e medo. Esses sintomas podem variar ou até mesmo não senti-lo.  

pest-ferias

Alguns cuidados podem fazer a diferença e garantir que o passeio familiar será agradável. Procure alimentar o cão algumas horas antes da viagem, porque o fato de deixa-lo em jejum não fará diferença. Se a viagem por programada com antecedência, faça passeios com seu pet de carro para que acostume-se com os sacolejos do automóvel. Durante a viagem tente não frear de forma brusca e pare para que todos possam esticar as pernas e patas, e fazer “xixizinho”.

 

Sem auauExiste outras possibilidades de acalma-los durante a viagem, que é uso de medicamentos, principalmente quando o trajeto for de avião. Vale ressaltar que tem que procurar um veterinário para indicar a dosagem correta, não pode sair comprando qualquer remédio, você pode mata-lo.

E quando chegar ao local ou nas paradas não esqueça de colocar a guia, outro ponto, não deixe de prendê-lo ao cinto de segurança. Afinal, se vocês os levam para tirar férias e porque os consideram membros da família.  

 

Redação Sáude no Ar

Valdira Santana

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *