Nordeste é a região mais afetada pela desistência de médicos no Programa Mais Médicos

Nordeste é a região mais afetada pela desistência de médicos no Programa  Mais Médicos

Reportagem de Alex Tajra para o UOL, nesta terça-feira (09), mostra que 40% das 1.052 desistências do programa Mais Médicos se deram na região Nordeste. A Bahia foi o estado mais afetado, com a perda de 117 profissionais que atendiam em unidades básicas de saúde.

O governo havia informado que todas as vagas tinham sido preenchidas por brasileiros, mas a saída de 15% dos médicos que aderiram ao programa – por salários de R$ 11.800,00 – reitera a fragilidade da alternativa.

O Sudeste é a segunda região mais afetada pela debandada (32,5%). São Paulo concentra 181 desistências.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *