Doença Falciforme: sintomas, controle e rede de apoio

Doença Falciforme: sintomas, controle e rede de apoio

A Política Nacional de Atenção Integral às Pessoas com Doença Falciforme e outras Hemoglobinopatias afirmou o compromisso público para a proteção à saúde aos portadores destas doenças e a garantia dos direitos sociais dos pacientes a todos os níveis de assistência existentes no sistema público de saúde do Brasil.

A DF (Doença Falciforme) ainda não tem cura, mas existem,  cuidados que dão vida mais longa com qualidade ás pessoas com a doença.

Os sinais e sintomas de alerta são : Anemia, Icterícia,Infecções,Crises álgicas,Crise de seqüestro esplênico agudo (SEA) ,Síndrome mão-pé,Ulcera de perna.

O controle da doença inclui: Evitar a desidratação ou exposição; inadequada ao frio; Tratar infecções CPM; Tratar crises álgicas, Manter hidratação, Realizar transfusão sanguínea.

O assunto será o tema do Programa Excelsior Saúde desta sexta-feira.  A conversa vai ser com Maria Cândida Queiroz, Assistente Social com experiência no Programa municipal e Política Nacional de Atenção à Pessoas com Doença Falciforme, Luciana Serafim – Coordenadora da ABADFAL.  O programa vai contar também com a participação de André Gomes coordenador geral da ssociação Baiana das pessoas com Doença Falciforme-(ABADFAL).

Excelsior Saúde, das 9 às 10h com transmissão pelas Rádios Excelsior AM 840 e Saúde no ar (web).

Acompanhe pelo site: https://redeexcelsior.com.br ou  player.maxcast.com.br/portalsaudenoar0. Ouça também pelos aplicativos: Rede Excelsior e Rádio Saúde no Ar.

Participação com perguntas e comentários pelo telefone (71) 3328-7666  e 9-96813998.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *