Dieta: Carboidrato x Gordura

Dieta: Carboidrato x Gordura

Pesquisa mostra que restringir o consumo de carboidratos é mais eficaz que reduzir a ingestão de gorduras para diminuir o risco de desenvolvimento de doença cardíaca.No estudo, foram comparados os efeitos de uma dieta com restrição de carboidratos a uma dieta com restrição de gorduras sobre o peso. O estudo foi publicado na edição de 2 de setembro da revista médica Annals of Internal Medicine.

Foram pesquisados 148 participantes divididos em dois grupos: um com uma dieta baixa em carboidratos e outro consumindo pouco gordura, por um ano.

Os participantes foram avaliados quanto ao peso, fatores de risco para doença cardíaca e composição da dieta aos 3, 6 e 12 meses.

De acordo com os pesquisadores, ao final de um ano, os indivíduos do grupo que restringiu carboidratos teve uma perda de peso em média 3,5 kg maior que o que restringiu gorduras, assim como uma redução maior da massa gorda.

Comparados os grupos, o de restrição de carboidratos teve também uma maior diminuição dos níveis de alguns fatores que servem como prognóstico de risco cardíaco (proteína C reativa, proporção de HDL em relação ao colesterol total e os triglicerídios) em relação ao grupo de restrição de gorduras.

Apesar do resultado, os especialistas salientam que pesquisas anteriores elevaram a gordura à condição de "grande vilã" da saúde e maior inimigo do coração. 

Segundo os autores do estudo, a redução sumária de um macronutriente (como carboidratos) da dieta pode, além de não ser eficaz, produzir efeitos indesejados. O ideal é manter um equilíbrio entre os macronutrientes: os carboidratos a serem restringidos são os de alimentos processados e de bebidas adoçadas e aqueles presentes em vegetais, cereais e frutas, ricos em fibras, devem ser mantidos. 

Obesidade e doença cardíaca são responsáveis por uma alta taxa de mortalidade e redução da qualidade de vida em todo o mundo. 

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.