Cientistas chineses testam medicamento que pode impedir o avanço da covid 19

Cientistas chineses testam medicamento que pode impedir o avanço da covid 19

Cientistas de um laboratório afiliado à Universidade de Pequim, na China, estão testando um novo medicamento para combate à Covid-19 que tem o potencial de impedir o avanço da pandemia.

O medicamento em fase de testes na prestigiada Universidade de Pequim (Beida) permitiria não apenas acelerar a cura dos doentes, mas também imunizar temporariamente contra a Covid-19.

Segundo Sunney Xie, diretor do Centro Avançado de Inovação em Genômica de Beijing, a substância  possui 14 “anticorpos neutralizantes” extraídos do organismo de 60 pacientes que se recuperaram da doença, e teve sucesso em testes com animais.

Quando injetamos os anticorpos neutralizantes em ratos infectados, em cinco dias a carga viral foi reduzida em um fator de 2.500”, disse Xie. “Isso demonstra que a droga tem efeito terapêutico”.

O planejamento para os testes clínicos está em andamento  e serão realizados na Austrália e em outros países devido à redução do número de casos na China. “Esperamos que estes anticorpos possam se tornar uma droga especializada que possa parar a pandemia”, afirmou, Xie.
O estudo foi publicado no domingo na revista científica “Cell”. Segundo o cientista, o medicamento deve estar pronto para uso no final deste ano.

 

Colabore com o Saúde no ar para continuarmos com o nosso propósito, saiba como.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *