Cedeba desenvolve diversas atividades para marcar o dia mundial do diabetes

Cedeba  desenvolve diversas atividades para marcar o dia mundial do diabetes

O Dia Mundial do Diabetes é 14 de novembro, mas o Centro de Diabetes e Endocrinologia da Bahia (Cedeba) desde o início do mês promove diversas  atividades com foco na educação em diabetes . A Organização Mundial da Saúde (OMS), estima  que  existem 422 milhões de diabéticos. O Brasil o quarto país no mundo no número de diabetes, são 13 milhões de pessoas com a doença.

Nesta segunda- feira (11/11) das 9 às 11 horas, representantes da Enfermagem e da Farmácia farão uma palestra com o tema “Uso Racional de Medicamentos e Aplicação de Insulina com caneta”. Nessa ação haverá o suporte técnico do Serviço Social (aspectos legais e acesso a insumos e medicamentos).

Também serão iniciadas a partir desta segunda- feira, atividades com abordagem educativa para os pacientes. São as caravanas que percorrem a unidade para chegar aos usuários.

No Cedeba, a programação do Novembro Azul prossegue até o dia 14 (quinta-feira). A partir de segunda-feira (11) estão programadas

Na terça-feira (12), o tema será “Seus Olhos e Diabetes”, tendo como facilitadora a oftalmologista Tessa Mattos e equipe. Também no dia 12, o setor de Psicologia estará fazendo abordagem educativa com o tema “Convivendo com o Diabetes”. Um reforço educacional importante no dia 12, será a webpalestra, da endocrinologista Flávia Resedá às 14h30 sobre “Metas de Controle Glicêmico para Pacientes com DM2 e Insulinização,”.No Dia Mundial do Diabetes (14 de novembro) no auditório do CAS haverá palestra sobre Prevenção da Doença Renal em Diabetes.

Mas o Cedeba, por meio da Codar, além das atividades da unidade, também faz o trabalho de sensibilização dos municípios, incentivando a realização de atividades para chamar a atenção para o Dia Mundial do Diabetes.

ENTENDENDO O DIABETES
De acordo com o site da Sociedade Brasileira de Diabetes,”Diabetes é uma doença crônica na qual o corpo não produz insulina ou não consegue empregar adequadamente a insulina que produz.

Mas o que é insulina? É um hormônio que controla a quantidade de glicose no sangue. O corpo precisa desse hormônio para utilizar a glicose, que obtemos por meio dos alimentos, como fonte de energia.

Quando a pessoa tem diabetes, no entanto, o organismo não fabrica insulina e não consegue utilizar a glicose adequadamente. O nível de glicose no sangue fica alto – a famosa hiperglicemia. Se esse quadro permanecer por longos períodos, poderá haver danos em órgãos, vasos sanguíneos e nervos.

O AZUL
O azul representa a cor do céu que une todas as nações da Terra e é também a cor da bandeira das Nações Unidas. O símbolo do círculo azul representa a unidade necessária da comunidade Global para responder à ameaça da pandemia de Diabetes. O Azul é a cor do diabetes.

O Dia Mundial do Diabetes (14 de novembro) foi criado pela Federação Internacional de Diabetes, junto à Organização Mundial de Saúde em 1991, tendo sido oficializada mundialmente pela Assembléia Geral da ONU (OMS) em 2017 com a Resolução nº 61.225. A data faz parte do calendário de Saúde do Ministério da Saúde e é chancelada pela Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD) Associação Nacional de Diabetes (ANAD) e Grupos organizados.

Fonte: Cedeba

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *