Casos de chikungunya aumentam 540% na Bahia

Casos de chikungunya aumentam 540% na Bahia

No período de 29 de dezembro do ano passado até 6 de abril deste ano, foram registrados na Bahia,  3.764 casos prováveis de Chikungunya,  Os dados representam um aumento de 540,1% na comparação com o mesmo período do ano anterior, quando foram notificados 588.

No total, 121 municípios baianos registraram notificação para a doença, sendo que Salvador lidera o ranking no estado com 1.510 casos de Chikungunya e, até o momento, uma morte.

Os dados fazem parte do Monitoramento dos Casos das Arboviroses na Bahia, da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab).

Os casos de dengue na Bahia tiveram um aumento de 10,2%, no período de 29 de dezembro de 2019 a 6 de abril de 2020, comparando com igual período do ano anterior. Foram notificados 16.570 casos prováveis da doença neste ano, contra 15.023, no ano passado. Ao todo, 308 municípios do estado registraram notificação e não há mortes por dengue. Somente em Salvador, foram 2.947 casos da doença. Também no mesmo período, os casos prováveis de zika em todo o estado foram de 694 (em 2020) ante 564 (2019) – aumento de 23%. Pelo menos 62 municípios realizaram notificações para a doença, sem registro de morte.

 

 

Colabore com o Saúde no ar para continuarmos com o nosso propósito, saiba como.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *