Brasil: Fiocruz vai produzir primeiro antiviral oral contra covid-19 no país

Brasil: Fiocruz vai produzir primeiro antiviral oral contra covid-19 no país

Em anuncio, o Instituto de Tecnologia em Fármacos da Fundação Oswaldo Cruz (Farmanguinhos/Fiocruz) informou que assinou um acordo de cooperação tecnológica com a farmacêutica americana Merck Sharp & Dohme (MSD;, com o objetivo de produzir no Brasil o molnupiravir, primeiro antiviral oral para o tratamento da covid-19.

O acordo teve assinatura na terça-feira (3); bem como na quarta-feira o medicamento recebeu da Agência Nacional de Vigilância em Saúde (Anvisa), a autorização de uso emergencial no país.

Dessa forma, em um primeiro momento  a Fiocruz estará responsável pela importação, administração; bem como testagem, armazenagem, embalagem, rotulagem, liberação e fornecimento do medicamento para o Sistema Único de Saúde (SUS). A transferência da tecnologia para a produção 100% nacional será viabilizada ao longo dos próximos dois anos, após avaliação das condições técnicas e demanda do SUS pelo molnupiravir.

Além disso, o acordo prevê também a condução de ensaios clínicos para verificar a eficácia em um eventual uso profilático para a covid-19; além de estudos experimentais da atividade do medicamento contra vírus como o da dengue e da chikungunya. A MSD vai monitorar e prestar assistência nas atividades para a transferência parcial de tecnologia.

Segundo a farmacêutica, o molnupiravir reduz “significativamente” as hospitalizações e até 89% da mortalidade por covid-19. De acordo com o diretor de Farmanguinhos, Jorge Mendonça, explicou que o acordo vem sendo discutido desde o começo de 2021 e as negociações resultaram em um projeto de grande potencial também para o tratamento de outras doenças.

 

 

 

 

Campanha Vidas Importam

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.