Anvisa aprova novo medicamento em pílula única para tratamento de infecção pelo vírus HIV

Anvisa aprova novo medicamento em pílula única para tratamento de infecção pelo vírus HIV

Foi aprovado pela Agencia Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), o medicamento Biktarvy® (bictegravir, entricitabina e tenofovir alafenamida), da Gilead Sciences, para tratamento de HIV em adultos e crianças com mais de seis anos e com peso corporal de pelo menos 25 kg.

“A aprovação do Biktarvy® pela Anvisa significa um grande passo no tratamento do HIV no Brasil, principalmente pela forma simples e eficiente com um único comprimido ao dia”, afirma Dra. Rita Manzano Sarti, Diretora Médica da Gilead no Brasil.

A segurança e eficácia do Biktarvy® foi apoiada por dados robustos obtidos através de quatro estudos clínicos de Fase 3 em adultos infectados com HIV-1 não tratados e em adultos infectados tratados. No Brasil a aprovação também engloba a população pediátrica que é suportada por um outro estudo. Nenhum paciente descontinuou o uso do medicamento devido a eventos adversos renais. As reações adversas mais comuns foram diarreia, náusea e dor de cabeça.

A Gilead Sciences é uma biofarmacêutica dedicada à pesquisa, desenvolvimento e comercialização de terapias inovadoras para prevenção, tratamento e cura de doenças potencialmente fatais, como HIV/Aids, hepatites virais, entre outras. A Gilead foi responsável por grandes conquistas para a saúde e a qualidade de vida ao oferecer o primeiro regime antirretroviral em comprimido único para o tratamento do HIV/AIDS, além de ter revolucionado o tratamento da hepatite C com o primeiro medicamento que apresentou a possibilidade de cura da doença. Presente no Brasil desde 2013 com sede em São Paulo, a Gilead possui operações em mais de 35 países, com matriz em Foster City, Califórnia, nos Estados Unidos.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *