Urgente, um trator para produzir

Urgente, um trator para produzir

A comunidade remanescente quilombola do Remanso, localizada no povoado do Remanso, município de Lençóis, Chapada Diamantina, Bahia, através de sua associação, está necessitando adquirir urgentemente um trator agrícola com todos os implementos para utilizar no preparo do solo e atividades de plantio da comunidade, visando o cultivo da terra neste ano agrícola de 2020, que se inicia em outubro.  Com o advento da atual pandemia, a comunidade que tinha como principal atividade o ecoturismo, (inclusive vários dos seus habitantes são guias turísticos), vem passando por sérias dificuldades para sobreviver, motivo que justifica totalmente este pleito.

A comunidade foi contemplada com um projeto de implantação de quintais florestais do programa BAHIA PRODUTIVA, entretanto não dispõe de um trator para trabalhar a terra. Inicialmente pensaram em adquirir um micro trator, mas na realidade necessitam de um trator maior, mais robusto, para efetuar os serviços que precisam fazer, que envolve operações de limpeza das áreas, destoca, aração e gradagem. Neste sentido, estamos apoiando e divulgando esta campanha, visando a concretização deste importante objetivo. Pedimos aos caros colegas a divulgação desta campanha em outras redes sociais do país e exterior. Saudações ambientalistas. Antônio Mario Coutinho. Grupo Natureza Viva, Chapada Diamantina.

Descrição da Entidade

A Associação Quilombola do Remanso, com sede social na comunidade do Remanso, está localizada no município de Lençóis, estado da Bahia território de identidade Chapada Diamantina com CNPJ 13.899.885/0001-54, de caráter beneficente.

Teve sua fundação em 24 de janeiro de 1959, mas teve seu primeiro registro em cartório em 20 de janeiro 1969. A entidade possui um quadro de sócios constituídos por 180 associados. A comunidade Remanescente Quilombola do Remanso teve a Certidão de Auto Reconhecimento pelo Ministério da Cultura, através da Fundação Cultural Palmares, Diretoria de Proteção ao Patrimônio Afro Brasileiro, em fevereiro de 2005.

A associação foi criada para fortalecer a organização econômica, turística, social e educativa, cultural, identitária, ancestral, territorial e política dos produtores rurais e pescadores.

Justificativa do projeto

Em 2019 a associação foi contemplada pelo projeto BAHIA PRODUTIVA com investimentos que serão realizados com recursos financeiros da companhia de ação regional- CAR, no qual serão implantados 22 hectares de árvores frutíferas de 12 espécies, 4.200 metros quadrados de horta, 21 galinheiros completos com 21 duplas de galinha poedeira caipira, sistema simples de irrigação e utensílios básicos de trabalho agrícola.

Pensando em oferecer melhores condições de trabalho aos beneficiários do projeto, em sua maioria mulheres, jovens, com renda abaixo de um salário mínimo, a associação vem por meio deste solicitar doação de um trator agrícola.

A comunidade vive da pesca artesanal, programas sociais do governo, agricultura de subsistência e principalmente o ecoturismo/turismo de base comunitária, que foram os primeiros seguimentos econômicos a ter suas atividades suspensa e tem previsão para ser a última a ser retomada, diante do COVID-19.

Expandir a agricultura orgânica torna se uma importante ferramenta para enfrentar as dificuldades advindas da pandemia. A comunidade que já vivia em estado de vulnerabilidade social, agora sem sua principal atividade econômica, o turismo, precisa investir ao máximo na produção agrícola, assim garantir o abastecimento do comercio local com produtos orgânicos, garantindo a segurança alimentar e gerando renda ao agricultor.

Objetivos do projeto

Adquisição um trator para:

– superar as dificuldades em estrutura de produção agrícola para comercialização;

– realizar melhorias nas estradas de acesso a comunidade e infraestrutura local.

– promover melhores condições de trabalho e qualidade de vida aos agricultores da comunidade.

– consolidar mecanismos que possibilite a juventude crescer e se desenvolver dentro da comunidade, evitando o êxodo rural e conservando a cultural local através das novas gerações.
Colabore
ASSOCIAÇÃO QUILOMBOLA DO REMANSO
CNPJ: 13.899. 885/0001 54

BANCO DO BRASIL
Conta corrente:11.406-5.
Agência: 0251-8

Vakinha digital 

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *