Morre o homem que fez transplante de rim de porco

O primeiro ser humano a receber um rim de porco geneticamente modificado morreu neste sábado (11), quase dois meses após o transplante, nos Estados Unidos, informaram o hospital que fez a cirurgia e a família do paciente.

Richard Slayman, que tinha 62 anos, tinha uma doença renal grave e  recebeu o rim no dia 16 de março em cirurgia realizada por um médico brasileiro Leonardo Riella
Em comunicado, a equipe médica do hospital lamentou a morte de Slayman e afirmaram que não havia nenhum indício de que ele morreu como resultado do transplante.

Foi o primeiro transplante de rim de porco para um ser humano vivo.

O homem de Weymouth, Massachusetts, foi a primeira pessoa viva a passar pelo procedimento. Anteriormente, rins de porcos haviam sido transplantados temporariamente em doadores com morte cerebral. Dois homens receberam transplantes de coração de porcos, embora ambos tenham morrido em questão de meses.

O jornalismo independente e imparcial com informações contextualizadas tem um lugar importante na construção de uma sociedade , saudável, próspera e sustentável. Ajude-nos na missão de difundir informações baseadas em evidências.Apoie e compartilhe