Maio Amarelo: Boas práticas podem prevenir acidentes

Desatenção no trânsito e falta de manutenção estão entre as principais causas de acidentes

Há 14 anos, a Organização das Nações Unidas criou o Maio Amarelo com o objetivo de destacar o mês para ações que conscientização de motoristas, ciclistas e pedestres dos perigos no trânsito. O movimento internacional tem como principal objetivo promover a segurança das pessoas, assim como a diminuição dos acidentes e mortes no trânsito e a escolha da cor amarela simboliza a sinalização de advertência no trânsito.

Dentre as principais causas de acidentes, a falha humana causa 90% deles, de acordo com um levantamento da Organização Mundial da Saúde (OMS). Em paralelo, o uso de cinto de segurança está diretamente relacionado com a gravidade dos acidentes: O equipamento reduz o risco de morte em 45% para quem está no banco da frente e 75% para quem está no banco de trás, de acordo com a Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet).

Para Mateus Afonso, fundador da Eletricar e parceiro do Klubi, fintech que opera com consórcios de veículos, “ter um carro é a realização de um sonho para muitos brasileiros, mas exige muita responsabilidade”. De acordo com Mateus,  “estar no trânsito exige muita empatia. É preciso entender que quando se está no volante, muitos detalhes fazem a diferença para a sua segurança e também para quem estiver ao redor. Por isso, sempre verifique se todos os passageiros do seu veículo estão usando o cinto de segurança. Coloque-se, também, no lugar de quem está fora do automóvel e mantenha uma distância apropriada de motociclistas, ciclistas e pedestres. Dar a preferência é muito importante”, destaca o parceiro do Klubi.

Manutenção do carro para prevenir acidentes

Segundo um estudo do Instituto Scaringella Trânsito, veículos que apresentam problemas relacionados com os freios, amortecimento, níveis de óleo/água, pneus, faróis e até mesmo cinto de segurança podem causar 30% dos acidentes no trânsito. De acordo com Luiz Bonini, Chief Growth Officer da Turbi, plataforma 100% digital para aluguel e assinaturas de carros, “A manutenção preventiva garante o melhor funcionamento dos componentes de segurança do veículo. Por exemplo, uma suspensão com problemas pode impactar na dirigibilidade do carro e aumentar os riscos de uma colisão, assim como uma falha nos freios”, explica Bonini.

Com o objetivo de minimizar os acidentes no trânsito, a Turbi utiliza a tecnologia para monitorar seus veículos alugados ou assinados. “Queremos oferecer uma experiência de carro próprio para nossos clientes, mas sem burocracias. Por isso, toda a nossa frota é monitorada e nós retiramos o carro com o cliente quando chega a hora de fazer uma manutenção preventiva, garantindo conforto e segurança”, finaliza o executivo.

Condutores de micromobilidade também devem se atentar às regras de trânsito

Segundo dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM), divulgados pelo Ministério da Saúde, o Brasil enfrenta uma média de cerca de sete mortes de ciclistas em acidentes de trânsito diariamente.

Francisco Forbes, CEO da Whoosh no Brasil, empresa internacional de micromobilidade, ressalta que, como ainda não há uma formação específica para os usuários de microveículos, como bicicletas e patinetes, é fundamental que eles também compreendam e sigam as regras de trânsito. “Assim, o condutor não apenas contribui para sua própria segurança, mas para a harmonia do tráfego. Isso inclui utilizar a ciclovia para a circulação, respeitar semáforos, sinalizações de trânsito, ceder a passagem quando necessário, manter uma velocidade compatível com as condições do ambiente e até estratégias de auto defesa”, sinaliza.

Além disso, o executivo explica que os modelos compartilhados contribuem para aumentar a segurança da mobilidade elétrica. “Nossas patinetes utilizam tecnologia IoT, que permite o monitoramento completo do estado e condições de cada equipamento. Temos uma equipe de campo dedicada ao suporte e manutenção, assim como limitamos a velocidade máxima a 20 km/h, com zonas de baixa latência, para reforçar o bem-estar dos usuários”, complementa.

O jornalismo independente e imparcial com informações contextualizadas tem um lugar importante na construção de uma sociedade , saudável, próspera e sustentável. Ajude-nos na missão de difundir informações baseadas em evidências.Apoie e compartilhe