Israel anuncia fim das ações de guerra no hospital Al-Shifa em Gaza

As Forças de Defesa de Israel (FDI) confirmam o fim da operação contra o Hamas no Hospital Al-Shifa, na Cidade de Gaza. Os militares entraram no local no ano passado e, segundo autoridades, capturaram cerca de 900 suspeitos.

A situação é indescritível. A ocupação destruiu todo o sentido de vida aqui”, apontou. São palavras muito parecidas com as usadas pelo jornalista Ismail al-Ghoul, da Al Jazeera. “Não há vida aqui. O complexo está em ruínas e não pode ser revivido”, contou.

Testemunhas descrevem cenas de destruição quando regressam à área em redor do Hospital Al-Shifa. Não necessariamente em ataques feitos pelos israelenses. Na semana passada, o porta-voz das FDI, contra-almirante Daniel Hagari, disse que o Hamas estava “destruindo o Hospital Al-Shifa”.

“Terroristas escondidos ao redor do hospital dispararam morteiros contra as nossas forças, causando grandes danos aos edifícios do hospital”, exemplificou Hagari.

O jornalismo independente e imparcial com informações contextualizadas tem um lugar importante na construção de uma sociedade , saudável, próspera e sustentável. Ajude-nos na missão de difundir informações baseadas em evidências.Apoie e compartilhe