Insulina inalável passa a ser permitida no Brasil

Insulina inalável passa a ser permitida no Brasil

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou na última segunda-feira (3) a comercialização do produto Afrezza, que é um pó para inalação, ou “insulina oral de ação ultrarrápida”.

Dependendo  do processo de registro de preços pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED) a   insulina inalável será comercializada no país a partir do quarto trimestre deste ano.

A insulina inalável é uma alternativa à  injetável que é a   única opção  disponível no Brasil.

O Afrezza é contraindicado para menores de 18 anos, pessoas com problemas respiratórios, como asma ou bronquite e fumantes ou pessoas que pararam de fumar já menos de seis meses.

De acordo com a Federação Internacional de Diabetes, a doença afeta 425 milhões de adultos em todo o mundo, sendo mais de 12 milhões no Brasil.

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *