Após negociação, Rússia anuncia que vai reduzir 'drasticamente' ataques em Kiev

Após negociação, Rússia anuncia que vai reduzir 'drasticamente' ataques em Kiev

Um representante do Ministério da Defesa da Rússia anunciou nesta terça-feira que as tropas do país vão reduzir “drasticamente” os ataques em Kiev e nos arredores da capital ucraniana, além da cidade de Chernihiv, no Norte da Ucrânia.

“A fim de aumentar a confiança mútua e criar as condições necessárias para novas negociações e alcançar o objetivo final de concordar e assinar (um) acordo, foi tomada a decisão de reduzir radicalmente, por uma grande margem, a atividade militar nas direções de Kiev e Chernihiv “— disse o vice-ministro da Defesa russo, Alexander Fomin, a repórteres.

Os negociadores ucranianos também confirmaram que Kiev aceite adotar um status de neutralidade em troca de garantias de segurança, o que significa que o país não se juntaria a alianças militares ou hospedaria bases militares.

Houve avanços também para um encontro entre os presidentes Vladimir Putin e Volodymyr Zelensky.

 

 

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.