Ministro dos Direitos Humanos está em Salvador divulgando o disque 100

Iniciativa tem objetivo de combater violações comumente ocorridas contra essa faixa etária no Carnaval, como violência sexual, venda e uso de álcool e outras drogas por crianças e adolescentes, trabalho infantil e casos de negligência; jingle com mensagem foi gravado pelo artista Saulo Fernandes, que será o embaixador da campanha

O ministro dos Direitos Humanos e da Cidadania, Silvio Almeida, participa, nesta sexta-feira (9), das celebrações do Carnaval de Salvador (BA), para dar início às ações da campanha “Bloco do Disque 100 – Respeito, Cuidado e Diversão na Avenida”. Com presença confirmada na Pipoca de Saulo, que sai às ruas da capital baiana na tarde de sexta-feira, o titular do Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania (MDHC) pretende mobilizar toda a sociedade brasileira, inclusive os foliões da festa mais popular do país, para a importância do respeito e do cuidado com as crianças e adolescentes no período.

A participação do ministro se dará durante o desfile do trio de Saulo, que começará por volta de 12h, saindo do Campo Grande. A campanha, de alcance nacional, foi iniciada na última segunda-feira (5) e tem o objetivo de divulgar o “Disque 100”, canal de denúncias da Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos. O objetivo é combater diversas violações comumente ocorridas contra essa faixa etária, como violência sexual, venda e uso de álcool e outras drogas por crianças e adolescentes, trabalho infantil e negligência dos pais e casos de crianças desaparecidas durante o Carnaval.

Para cumprir essa missão, o cantor e compositor Saulo aceitou o convite do MDHC para ser o embaixador da ação e gravou um jingle especialmente criado para convocar os foliões para o “Bloco do Disque 100”. Em Salvador, a mensagem da campanha também será projetada no trio elétrico do artista. A campanha é uma realização do MDHC, por meio da Assessoria Especial de Comunicação Social e da Secretaria Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente.

As ações envolvem também a mobilização de outras personalidades, a divulgação de vídeos, postagens nas redes sociais, e a distribuição de um spot para ser transmitido nas emissoras de rádio de todo o país.

Crianças e adolescentes

A campanha do MDHC, de alcance nacional, escolheu focar no público infantojuvenil para a campanha deste carnaval devido ao alto número de denúncias registradas pelo Disque 100 no último ano. Do total das 430 mil denúncias recebidas pelo canal em 2023, mais de 50% foram referentes a violações de direitos humanos de crianças e adolescentes, um número expressivo e preocupante.

Disque 100

O Disque 100 é o canal de denúncias de violações de direitos humanos da Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos (ONDH). O serviço é gratuito e funciona ininterruptamente, 24h por dia, todos os dias da semana, inclusive feriados, e pode ser acionado pelo site oficial, pelo telegrama e pelo WhatsApp (61) 99611-0100.

 

Serviço:

Participação do ministro Silvio Almeida na Pipoca de Saulo

Data: Sexta-feira, 9 de fevereiro

Horário: A partir das 12h

Local: O trio sairá da Praça do Campo Grande

Leia também:

Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania dá início a ações de proteção a crianças e adolescentes durante o Carnaval

O jornalismo independente e imparcial com informações contextualizadas tem um lugar importante na construção de uma sociedade , saudável, próspera e sustentável. Ajude-nos na missão de difundir informações baseadas em evidências.Apoie e compartilhe