Alerta da Receita Federal – Novo golpe envolvendo o Imposto de Renda

*
Fraudadores usam nome da Receita para enganar contribuintes e extrair pagamentos indevidos.
A temporada de envio das declarações do Imposto de Renda, além do cuidado envolvendo prazos e ajustes de contas, traz outras preocupações para os contribuintes. A Receita Federal emitiu alerta à população sobre uma nova versão do golpe “Erro na Declaração”, na qual os criminosos enviam mensagens falsas informando sobre supostos erros na declaração e exigindo regularização até uma data limite estipulada.
De acordo com o órgão, para dar credibilidade às suas alegações, os fraudadores utilizam indevidamente o nome da Receita e disponibilizam links maliciosos, afirmando conter informações detalhadas sobre o procedimento de correção em um arquivo PDF para impressão. Na mensagem, utilizam ainda termos como “contribuinte” e a sigla IRPF, comumente empregados pelo órgão em suas comunicações.
Gustavo Vieira, contador e diretor da Rui Cadete, destaca a gravidade da situação: “Todos os anos, temos notícias de pessoas que caíram em golpes e, a cada ano, os fraudadores estão mais organizados e sofisticados. Na prática, o golpe funciona da seguinte forma: os golpistas enviam comunicado falso por e-mail, informando a ocorrência de divergências na declaração de IRPF e alegando que ela está sob análise e passará pela malha fiscal”, explica.
“Como este é um período no qual as pessoas estão naturalmente mais inseguras, acabam se tornando alvos fáceis para esses criminosos”, alerta o especialista. Por isso, segundo ele, o contribuinte deve ficar atento às orientações da Receita Federal apenas em seus canais oficiais e ter ciência de que o órgão não envia comunicações por e-mail, mensagens de texto ou por meio de links. O contador reforça algumas diretrizes de segurança:
Desconfie de e-mails ou mensagens de origem desconhecida que solicitam informações pessoais, especialmente relacionadas à declaração do Imposto de Renda.
Nunca clique em links suspeitos ou desconhecidos, pois podem direcioná-lo a sites maliciosos ou baixar programas prejudiciais em seu dispositivo.
Não abra arquivos anexados, pois normalmente são programas executáveis que podem causar danos ao computador ou capturar informações confidenciais do usuário.
Verifique sempre a autenticidade das comunicações que parecem ser da Receita Federal, priorizando o uso do Portal do Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC) e o site institucional como canais seguros de comunicação.
Malha Fiscal: o que é e como evitar
Após o envio da declaração do Imposto de Renda, ela passa por um processo de análise por parte da Receita Federal. Durante essa análise, os sistemas da Receita verificam as informações fornecidas pelo contribuinte e as comparam com dados de outras fontes, como empresas, bancos e instituições financeiras.
Se houver discrepância nas informações fornecidas, a declaração pode ser enviada para uma análise mais detalhada e, havendo divergências, ela é retida na Malha Fiscal, popularmente conhecida como “malha fina”. “Por isso, é muito importante fazer uma revisão minuciosa de todos os dados fornecidos, verificando se estão corretos e completos”, comenta Gustavo.
Para saber se a Declaração está em malha, o contribuinte deve acessar o e-CAC, selecionar a opção “Meu Imposto de Renda (Extrato da DIRPF)” e na aba “Processamento”, escolher “Pendências de Malha”. Lá é possível verificar se sua declaração está em malha e o motivo pelo qual ela foi retida. A partir daí, é possível fazer uma retificação – desde que ainda não tenha recebido o termo de intimação.
“Certifique-se de cumprir todos os prazos estabelecidos pela Receita Federal para responder às solicitações e fornecer as informações necessárias para resolver a situação. E em caso de dúvidas ou dificuldades na identificação de erros, consulte um profissional especializado em questões tributárias para revisar a sua declaração”, finaliza o contador.
O jornalismo independente e imparcial com informações contextualizadas tem um lugar importante na construção de uma sociedade , saudável, próspera e sustentável. Ajude-nos na missão de difundir informações baseadas em evidências.Apoie e compartilhe