Primeiro lote piloto 100% brasileiro da Sputnik V é produzido no DF

Primeiro lote piloto 100% brasileiro da Sputnik V é produzido no DF
A companhia farmacêutica União Química, responsável pela produção da vacina Sputnik V no Brasil, apresentou, primeiro lote do imunizante russo produzido 100% no Brasil.

Poduzido no Distrito Federal, na Biotecnologia, instalada no Polo JK, na região de Santa Maria; o Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA), principal substância para produção do imunizante. Além disso, o processo de produção também ocorre em São Paulo, na unidade Inovat.

De acordo com equipe da União Química, a empresa encaminhou à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) o segundo pedido de uso emergencial da Sputnik V no Brasil. Anteriormente, o primeiro pedido, de janeiro, não havia passado por analise por pendências na documentação.

Contudo, a Anvisa, informou que a União Química não encaminhou o pedido de inspeção no laboratório instalado no DF.

Por outro lado, mesmo sem o uso emergencial aprovado, a vacina russa consta no cronograma de imunização divulgado pelo Ministério da Saúde. De acordo com o plano de imunização nacional,  10 milhões de doses incluídas no calendário de vacinação até final de junho; bem como 400 mil que jaá estavam previstas para chegar até esta quarta-feira, 31. Dessa forma, o início da vacinação com a Sputnik V será feito com lote importado da Rússia.

 

 

 

Campanha Vidas Importam 

Veja também: Líderes de 23 países apoiam ideia de tratado pandêmico para emergência

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *