Doenças do Adulto com Raízes na Infância

Doenças do Adulto com Raízes na Infância


Autor: João Guilherme Bezerra Alves; Fernando Figueira (In memoriam
Editora: MEDBOOK 
Publicação: 2010  

 As taxas de mortalidade geral no mundo declinaram substancialmente no último século, especialmente o coeficiente de mortalidade infantil. Nos países ricos, por exemplo, a taxa de mortalidade infantil caiu de 152 por mil nascidos vivos, no ano de 1900, para exatamente a metade no ano de 1920. No Brasil, essa taxa caiu de 117 mil nos anos 60 para os atuais 24,9 e, assim, o homem vem envelhecendo. A expectativa de vida média que era de 30 a 40 anos no início do século XX é hoje de 70 anos e, em alguns países ricos, ela passa dos 80. A média de vida dos brasileiros, que era de 47 anos na década de 50, hoje é de 72,5 anos. O percentual de idosos no mundo (faixa etária acima dos 65 anos), que era naquele período de apenas 4%, passou para 23%, número que deverá triplicar até o ano 2050. O avanço extraordinário conseguido neste século equivale à conquista em termos de expectativa de vida obtida entre a idade do bronze (3000 a.C.) e o século XX. . Essa vitória não é só da ciência médica, mas também do progresso socioeconômico,….

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.