Rede InovarH investindo nas boas práticas de gestão e atenção á saúde na Bahia

A Rede de Inovação e Aprendizagem em Gestão Hospitalar (InovarH) é uma rede criada pelo Ministério da Saúde, em 2006, e apoiada pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), cujos objetivos são: a) desenvolver competências e habilidades para o gerenciamento de organizações de saúde, mediante o uso de Tecnologias de Informação e Comunicação; b) estimular o trabalho em rede, nas organizações prestadoras de serviços de saúde no Estado da Bahia, consoante os princípios e necessidades do SUS; c) propiciar condições para que as decisões gerenciais sejam tomadas com base em informações; d) institucionalizar a cultura do planejamento estratégico e participativo, monitoramento…

O programa mais médicos e a política pública de recursos humanos em saúde

De acordo com Dye (1984) política pública é tudo aquilo que o governo escolhe fazer ou não fazer. Assim, busca-se compreender o Programa "Mais Médicos" como parte de uma Política Pública, a de Recursos Humanos em Saúde. Desde que o governo federal o instituiu o Programa Mais Médicos, através da Lei 12.871, em outubro de 2013, que a discussão sobre o acesso da população brasileira a estes serviços ganhou notoriedade na imprensa e abriu uma discussão para um problema que não é novo: a desigualdade na distribuição de médicos entre os municípios brasileiros e a superconcentração de médicos no setor…

A gestão e a crise dos serviços hospitalares

No Brasil o Modelo de Atenção à Saúde tem experimentado crises de múltiplas dimensões. De igual maneira são inúmeras as alternativas para enfrentá-las. Dentre as formas convencionais destacam-se aquelas pautadas pelo imediatismo, ou seja, direcionadas para a busca de mais recursos financeiros e voltadas para a modernização técnica e gerencial. Paralelamente, tem-se desenvolvido estratégias, cujas alternativas são: redefinição do Modelo Assistencial; redesenho do modelo organizativo – Redes de Atenção à Saúde; reforma do modelo de gestão; reconstrução do relacionamento com o SUS; reforma do Ensino e da Pesquisa; revisão dos mecanismos de financiamento. O enfoque deste texto é sobre a…

Gestão em saúde: por que precisamos mudar?

Este é o primeiro artigo e faz parte de uma série denominada: Debates sobre Mudanças na Gestão em Saúde e objetiva apresentar uma breve reflexão sobre a crise atual dos Sistemas de Saúde e discutir porque precisamos mudar. Apresentamos problemas de saúde do século XXI e Sistemas de Saúde da metade do século XX. Isso é caracterizado por Mendes (2012) como a “Ruptura do Postulado da Coerência”, o que provoca crises, pois vivenciamos mudanças muito rápidas e uma capacidade muito lenta dos Sistemas de Saúde pra se adaptarem às mudanças. No contexto atual, com referência à Gestão de Serviços de…